Fonte: OpenWeather

    Política


    Vice-presidente Michel Temer chega a Manaus na sexta

    Michel Temer deverá chegar por volt das  14h30 e seguirá direto para o local do encontro, no Salão Nobre do Centro de Convenções do Studio 5 – foto: : José Cruz/ABr
    Michel Temer deverá chegar por volt das 14h30 e seguirá direto para o local do encontro, no Salão Nobre do Centro de Convenções do Studio 5 – foto: : José Cruz/ABr

    O vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer, estará em Manaus, na próxima sexta-feira, como adiantou o EM TEMPO, para participar de um evento político partidário intitulado “Caravana da Unidade”. Temer está percorrendo o Brasil para defender a unidade do PMDB e pedindo votos para sua recondução à presidência nacional do partido político, cuja eleição interna acontece em março.

    De acordo com o secretário-geral do PMDB no Amazonas, Miguel Capobiango, o vice-presidente virá a Manaus após evento similar, em Belém, no Pará. Sua chegada está prevista para as 14h30 e seguirá direto para o local do encontro, no Salão Nobre do Centro de Convenções do Studio 5, Zona Sul.
    Capobiango informou que Michel Temer se reunirá com os correligionários do PMDB e de partidos políticos aliados no Amazonas a partir das 15h. A previsão é que o evento finalize às 17h30. De Manaus, o vice–presidente irá para Brasília.

    Desde o início deste ano, o ministro de Minas e Energia e presidente estadual do PMDB, Eduardo Braga, tem dito que o partido político terá candidato à Prefeitura de Manaus. Entre os nomes citados por Braga estão os dos deputados estaduais Marcos Rotta (PMDB) e Hissa Abrahão (PPS), além da superintendente da Zona Franca de Manaus, Rebecca Garcia (PP) e, recentemente, do deputado estadual José Ricardo (PT). O evento com o vice-presidente da República é o “start” inicial para a corrida eleitoral.

    Questionado a respeito de sua pré-candidatura e de um provável anúncio durante a visita de Temer, Rotta negou. “Nada disso. Ele (Temer) está percorrendo vários Estados defendendo a unidade do partido e, claro, pedindo votos para recondução dele à presidência do PMDB”, disse o parlamentar

    Mais lidas

    1. Um dos mais importantes juristas brasileiros, Ives Gandra analisa crise no país

    2. Democracia ameaçada pelo avanço do discurso militar

    3. Lava Jato investiga uso de subsidiárias da Petrobras para favorecer Odebrecht

    4. Temer exonera oito ministros

    5. Líder do governo na Aleam confirma mais três apoiadores na base