Fonte: OpenWeather

    Política


    Partidos têm até dia 15 para fazer registro no TRE

    De acordo com TRE, o pré-candidato só passa a ser, de fato, candidato com a protocolização do pedido de registro de candidatura junto à Justiça Eleitoral - foto: Márcio Melo
    De acordo com TRE, o pré-candidato só passa a ser, de fato, candidato com a protocolização do pedido de registro de candidatura junto à Justiça Eleitoral - foto: Márcio Melo

    Os partidos políticos terão até às 19h da próxima segunda-feira (15), prazo de acordo com a Legislação eleitoral, para realizarem os registros dos candidatos, no Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), que irão concorrer na eleição municipal para os cargos de majoritários e proporcionais. A equipe do Em Tempo entrou em contato com alguns partidos, que afirmaram que irão fazer o registro até amanhã (10), para evitar qualquer tipo de problema.

    De acordo com TRE, o pré-candidato só passa a ser, de fato, candidato com a protocolização do pedido de registro de candidatura junto à Justiça Eleitoral e, para alcançar esta condição precisa superar uma fase tão importante quanto a do registro- a escolha pela agremiação partidária-, por meio da convenção dos partido, etapa crucial para que se possa analisar o pedido de inscrição do pré-candidato.

    Como o período de convenções terminou na última sexta-feira (5), agora, os candidatos deverem apresentar juntamente com o pedido de registro de candidatura os seguintes documentos: declaração atual de bens, preenchida no Candex (sistema desenvolvido pelo TSE), não é permitido apresentá-la impressa; certidões criminais da Justiça Federal e da Justiça Estadual, ambas de 1ª e 2ª instâncias, do domicílio eleitoral; certidões criminais expedidas pelos Tribunais competentes, sempre que o candidato gozar de foro especial;

    Posteriormente, deverá ser apresentado certidão de objeto e a atualização de cada um dos processos correspondentes, como fotografia recente do candidato, anexada ao Candex, nas especificações que a legislação impõe; comprovante de escolaridade; prova de desincompatibilização, sempre que for o caso; propostas defendidas pelos candidatos a prefeito e cópia de documento oficial de identificação.

    Quanto as certidões são somente estas elencadas. As demais certidões, à guia de exemplo, filiação partidária e as eleitorais, não há necessidade de entregar juntamente com o pedido de registro da candidatura, uma vez que são verificadas no banco de dados da Justiça Eleitoral.

    “Fica inexiste qualquer taxa ou custas a serem recolhidas no ato do registro de candidatura e os partidos ou coligações devem apresentar os pedidos de registro de candidatura de seus pré-candidatos de forma coletiva, até o dia 15 de agosto vindouro, mas individualizando a documentação de cada um de seus escolhidos, preferencialmente colocando a documentação de cada pré-candidato em uma pasta”, disse Juiz de Direito responsável pelo Pleito Municipal, Dr. Marcelo Manuel da Costa Vieira.

    Partidos

    Segundo o presidente regional do PSDB, Mário Barros, a sigla já fez a entrega da Ata ao TRE e que até amanhã fará o registro do candidato a prefeito Arthur Neto e da chapa dos vereadores. “Optamos em entregar neste dia, porque se houver algum problema, como falta de documento ou ‘trava’ no sistema, teremos quinta-feira, sexta-feira e segunda para resolver”.

    Para o registro da chapa dos 59 nomes para vereador pelo PHS, o presidente estadual do partido, Wilker Barreto diz que estão finalizando para da entrada no TRE até quarta-feira.

    O PSB que lançou o deputado estadual Serafim Corrêa para chapa de majoritário, também deverá registrar na amanhã. “Tem muita burocracia, é um processo longo de arrecadar todos os documentos dos partidos coligados. Estamos desde o dia 23 do mês passado vendo isso, e só agora vamos registrar”, finalizou Serafim.

    Já o vice-governador e candidato a prefeito pelo SDD, Henrique Oliveira, disse que já foi feito entregue a Ata dos nomes dos vereadores e quarta-feira fará o registro no TRE, porque quer logo se livrar para iniciar a sua campanha. “A pressa é ir para rua a gente só tem até o dia 15 e quanto mais rápido formalizar tudo isso, menos fico me preocupando, podendo focar com outras coisas, como o jingle, cartaz e santinhos”.

    O deputado José Ricardo (PT), que irá disputar para prefeito, ressalta que o partido já está preparando toda a ‘papelada’, todos os documentos e dados necessários, e que até semana que vem, será feito todo o procedimento. “Nós vamos tentar essa semana ainda estamos vendo as chapas todas dos vereadores até sexta-feira, caso contrário será na outra semana”, disse.

    Por Diogo Dias

    Mais lidas

    1. Lava Jato investiga uso de subsidiárias da Petrobras para favorecer Odebrecht

    2. Temer exonera oito ministros

    3. Líder do governo na Aleam confirma mais três apoiadores na base

    4. Sob pressão, Aécio indica que deixará presidência do PSDB

    5. Amazonino Mendes empossa novos gestores