Fonte: OpenWeather

    Política


    Melo revoga decreto e órgãos voltam a funcionar em horário normal no AM

    José Melo revogou a decisão, que era em caratér temporário - foto: divulgação/Secom

    Nove meses após a redução para seis horas, o horário de expediente de servidores da administração direta, das autarquias e das fundações volta ao normal a partir do dia 16 de janeiro. O governador do Amazonas, José Melo (Pros), revogou o decreto que determinava a redução em caráter temporário.

    A decisão foi publicada na edição desta segunda-feira (9) do Diário Oficial do Estado (DOE). Os servidores públicos estaduais voltam a trabalhar em jornada de oito horas. A alteração do horário de funcionamento das pastas do governo é possível após a economia apresentar melhoras.

    De acordo com o decreto anterior, publicado no dia 28 de abril de 2016, a redução do expediente aconteceu por conta da queda na arrecadação. Naquela ocasião, o secretário de Administração e Gestão (Sead), Evandro Melo, o governo esperava economizar cerca de R$ 60 milhões.

    A medida foi necessária para cortar despesas com energia, água, telefone, combustível e material de expediente, além de garantir verba em caixa para os custeios das obrigações do Governo do Estado.

    EM TEMPO