Fonte: OpenWeather

    Política


    Câmara compra combustível para 11 voltas na Terra

    O contrato da Câmara foi é R$181 mil - Divulgação

    Um contrato celebrado entre a Câmara Municipal do Careiro Castanho e uma empresa de combustível, orçou para o período de 25 de janeiro de 2017 a 24 de janeiro de 2018, o valor de R$ 181 mil, para gastos com combustível e derivados do petróleo. Com o alto valor seria possível dar 11 voltas ao redor do planeta Terra, que em cada percurso compreende uma distância de 40 mil quilômetros, segundo o Instituto de Astronomia e Pesquisas Espaciais (Inape). O contrato para fornecimento de gasolina foi firmado a partir da escolha do menor preço apresentado em um Pregão realizado. O extrato com todos os dados da disputa foi publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM), no início deste mês.

    O trajeto que compreenderia mais de dez voltas em torno do planeta foi calculado, levando em consideração a aquisição de gasolina, com os preços praticados em Manaus, que variam de R$ 3,59 a R$ 3,99. Utilizando o valor máximo, R$ 3,99, um veículo que faz um trajeto de dez quilômetros, com um litro de derivado do petróleo, poderá concluir as 11 voltas completas na Terra com pouco um pouco mais de 45 mil litros de gasolina; sendo que para completar apenas um trajeto de volta na Terra, seria necessário a utilização de cerca de 4 mil litros de gasolina.

    Contrato

    O Termo de Contrato para Fornecimento de Combustíveis e Derivados de Petróleo foi firmado entre a Câmara Municipal de Careiro (CMC) e a empresa MV Comércio de Derivados de Petróleo LTDA-ME, inscrita no CNPJ Nº 08.538.030/0003-20 que, apresentou o menor preço conforme o Extrato de Homologação do Pregão Presencial N.º 001/2017. A reportagem procurou o presidente da Câmara de vereadores do município, Osmar de Melo Almeida Júnior (PSL), para se pronunciar sobre o assunto, mas ele não atendeu, por meio do telefone pessoal (92) XXXX-6039.

    Sem frota

    Um funcionário da Câmara do Careiro Castanho, que não quis ser identificado, informou sobre a ida do vereador para uma viagem de pesca com amigos. O colaborador informou, ainda, que apesar do montante disponibilizado para a compra dos derivados do petróleo, os parlamentares do município poderão ficar impossibilitados de utilizar o combustível, porque há ausência de equipamentos de transporte.

    “Não sei como os vereadores vão usar todo esse combustível, uma vez que a Câmara não dispõe de uma frota de automóveis para transporte”, disse o funcionário público.

    Consultoria contábil

    Além da aquisição de combustível e derivados dos petróleos, a presidência da Câmara de vereadores de Careiro Castanho público no DOM, também no dia três de fevereiro, o resultado Pregão Presencial n.º 002/2017 de um contrato com a empresa Jonas Sabino da Costa - ME, inscrita no CNPJ Nº 13.127.077/0001-79, no valor de R$ 132.720,00 para Prestação de Serviços de Assessoria e Consultoria Contábil.

    Henderson Martins

    EM TEMPO