Fonte: OpenWeather

    Política


    Ministro Gilmar Mendes acompanha eleição suplementar no Amazonas

    Ministro Gilmar Mendes observa eleição suplementar no Amazonas

    O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes, está em Manaus para acompanhar o processo da eleição suplementar para governador e vice-governador no Estado. Ao longo do dia, Mendes concederá entrevista coletiva para informar sobre o andamento do pleito.

    Ao visitar Manaus no dia 26 de julho, o ministro Gilmar Mendes verificou os preparativos para a eleição, determinada pelo TSE depois que o o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) cassou em 2016 os mandatos dos governador José Melo (PROS) e do vice-governador Henrique Oliveira (SD), acusados de compra de votos na eleição de 2014. A ação de cassação foi proposta pela coligação adversária "Renovação e Experiência", que tinha como cabeça de chapa o senador Eduardo Braga (PMDB).

    Leia também: Gilmar Mendes diz em Manaus que decisões ainda podem interferir nas eleições no AM

    Eleição Suplementar

    A decisão do TRE-AM foi endossada em julgamento de recurso da chapa cassada pelo TSE com votos pela cassação dos ministros Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Herman Benjamin, Admar Gonzaga e Rosa Weber. Pela absolvição votaram o relator do caso, Napoleão Nunes Maia Filho e Luciana Lóssio. A maioria dos ministros entendeu que houve compra de votos por uma assessora de confiança do governador, Nair Blair. A mulher foi flagrada dentro do comitê de campanha com R$ 7.700, além de recibos e planilha que mostravam a destinação de dinheiro para eleitores.

    Custo da eleição 

    A previsão do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) é de que a eleição custará algo em torno de R$ 32 milhões, incluindo o deslocamento de tropas das Forças Armadas para assegurar a ordem em diversos municípios do Amazonas.

    A expectativa é de que 2,3 milhões de amazonenses compareçam às urnas neste domingo.

    Leia também: 

    Durante voto, Eduardo Braga relembra trajetória para eleição inédita

    Amazonino Mendes vota na eleição suplementar e fala em restaurar o Amazonas

    Rebecca Garcia vota e diz que quer ‘revolucionar política amazonense’

    Mais lidas

    1. Um dos mais importantes juristas brasileiros, Ives Gandra analisa crise no país

    2. Democracia ameaçada pelo avanço do discurso militar

    3. Lava Jato investiga uso de subsidiárias da Petrobras para favorecer Odebrecht

    4. Temer exonera oito ministros

    5. Líder do governo na Aleam confirma mais três apoiadores na base