Fonte: OpenWeather

    Política


    TRE substitui 15 urnas e um homem é preso por desacato no AM

     

    As primeiras horas da manhã deste domingo (27) de segundo turno eleitoral foram marcadas por 15 substituições de urnas. As informações são da primeira coletiva realizada no Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), no Centro de Divulgação das Eleições.

    Participaram da primeira coletiva o diretor-geral, Messias Andrade, o presidente do TRE-AM, desembargador Yedo Simões, e o secretário de Tecnologia da Informação, Rodrigo Camelo. Simões declarou que a manhã seguia tranquila em Manaus e em todos os outros 61 municípios em que a eleição suplementar ocorre.
    "Trabalhamos fortemente para que os problemas do primeiro turno fossem minimizados hoje", disse.
    Até o fechamento desta matéria, das 15 substituições de urnas eleitorais, 11 ocorreram em Manaus, 3 em Iranduba e 1 em Itacoatiara. Camelo informou que as trocas não devem trazer grandes problemas para os eleitores.
    "São urnas de contingência, que ficam nas escolas para serem usadas caso outras apresentem problema", disse ele.
    Além da imprensa e autoridades locais, também participou da coletiva uma comitiva da Guiné Bissau. A visita tem como objetivo realizar um intercâmbio sobre o sistema eleitoral implantado no Brasil. Os guineenses visam melhorar a estrutura das eleições no país deles. Desacato Na madrugada deste domingo (27), um homem foi detido por desacato no bairro São José Operário, zona Leste de Manaus. Douglas Cardoso Padilha, de 34 anos, estava consumindo bebidas alcoólicas e, ao ser abordado pela Polícia Militar, reagiu agressivamente. Roger Lima EM TEMPO Leia Mais Arthur Neto diz que crise do AM é grave e que governador eleito deve ter responsabilidade Mais de 4,5 mil militares atuam no 2º turno da eleição suplementar no AM A hora da verdade: disputa entre velhos conhecidos do eleitor
    Mais lidas

    1. Lava Jato investiga uso de subsidiárias da Petrobras para favorecer Odebrecht

    2. Temer exonera oito ministros

    3. Líder do governo na Aleam confirma mais três apoiadores na base

    4. Sob pressão, Aécio indica que deixará presidência do PSDB

    5. Amazonino Mendes empossa novos gestores