Fonte: OpenWeather

    Sem Categoria


    Em ano de crise, governador do AM reafirma que vai priorizar saúde

    Reforma e ampliação da Unidade Hospitalar de Novo Airão, inaugurado pelo governador do Amazonas nesta terça (2), teve aporte de quase R$ 4,5 milhões – foto: Herick Pereira/Secom
    Reforma e ampliação da Unidade Hospitalar de Novo Airão, inaugurado por José Melo nesta terça (2), teve aporte de quase R$ 4,5 milhões – foto: Herick Pereira/Secom

    O governador José Melo inaugurou, nesta terça-feira (2), as novas instalações da Unidade Hospitalar de Novo Airão, que foi reformada e ampliada.

    A obra, que demandou investimentos de quase R$ 4,5 milhões entre obras e equipamentos, integra o programa de reestruturação da rede de saúde, que está sendo executado pelo governo no interior, com o objetivo de oferecer novos serviços e atendimento de qualidade à população.

    “Em um ano de dificuldade que estamos passando, temos que ter prioridades e a saúde é uma delas. Novo Airão tinha um hospital construído há 30 anos que precisava não só ser reformado, mas também de modernidade com equipamentos novos. Hoje, nós temos o prazer de entregar um hospital com 20 leitos, todo equipado para atender a média complexidade, portanto é uma alegria muito grande”, afirmou o governador.

    O secretário estadual de Saúde, Wilson Alecrim, destacou que de 2010 até este ano este programa de investimentos permitiu a construção de 13 novos hospitais no interior – com recursos que superam os R$ 46,5 milhões – e a reforma e ampliação de várias outras unidades.

    Alecrim também destacou que o governo do Estado tem investido para dotar a rede de hospitais do interior de novos equipamentos, novas ambulâncias e novos serviços, sobretudo com o suporte do Programa de Telemedicina.

    “A recomendação do governador José Melo é ampliar e modernizar a estrutura de saúde do interior, para reduzir cada vez mais a necessidade de as pessoas se deslocarem para a capital para ter acesso aos serviços especializados”, frisou Alecrim.

    Nova estrutura

    A obra de reforma e ampliação do Hospital de Novo Airão inclui a estruturação do Setor de Urgência e Emergência, que antes funcionava em apenas uma sala. Além disso, a unidade de saúde passa a contar com Sala de Estabilização; leitos de observação; serviço de Mamografia, que também não havia na antiga estrutura, ultrassonografia; serviço transfusional e Setor de Obstetrícia, com estrutura adequada para a humanização do parto e nascimento, o que inclui dois PPPs (suítes de pré-parto, parto e pós-parto).

    Foram realizadas, ainda, melhorias no Centro Cirúrgico, laboratórios, clínicas e Setor Administrativo e de Serviços.

    A unidade hospitalar tem disponíveis 20 leitos e realiza hoje, em média, 2.030 procedimentos/atendimentos ao mês. Entre os serviços ofertados à população, estão consultas médicas, acompanhamento e observação, exames laboratoriais e internação.

    A equipe multidisciplinar que atua no hospital também realiza partos normais e atendimentos às gestantes em casos de necessidade. O setor de imagem atuará inserido no Programa Telemedicina, motivo pelo qual o hospital está dotado de Sistema de Digitalização de Imagens.

    Tapa-buracos

    José Melo também anunciou durante seu discurso para a população de Novo Airão uma operação tapa-buracos na rodovia AM-352, que liga Manacapuru ao município, a reforma na orla da cidade e a oferta de serviços do Banco do Povo para os pequenos empreendedores.

    “Nós devemos finalizar a licitação no dia 12 de junho e, se houver empresa contratada, já daremos início às obras de melhoria da estrada. Esse município tem um potencial muito grande e pode ser a porta de entrada para o turismo ecológico no Amazonas”, concluiu.

    Com informações da assessoria

    Mais lidas

    1. Em trabalho de parto, mulher dá à luz em carro com ajuda de PMs