Fonte: OpenWeather

    Sem Categoria


    Adiantamento do 13º na Prefeitura deve injetar R$ 53,4 milhões em Manaus

    Para a maioria dos consumidores ouvidos pelo Instituto Fecomercio de Pesquisas Empresariais, situação econômica está igual à de 2014 e ficará na mesma no próximo semestre – foto: Alberto César Araújo
    Medida da Prefeitura visa aquecer economia de Manaus, em um ano de demissões em massa no Distrito Industrial e retração nas vendas do comércio da capital – foto: Alberto César Araújo

    A Prefeitura de Manaus vai pagar a primeira parcela do 13º salário dos servidores juntamente com o contracheque de julho, beneficiando mais de 32,9 mil servidores e mantendo a tradição de pagamento da primeira parcela do mês.

    O anúncio foi feito pelo secretário municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), Gilmar Nascimento, e corroborado pelo secretário municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), Ulysses Tapajós, cumprindo determinação do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB)

    “Trata-se da primeira parcela do 13º. São mais de R$ 53,45 milhões que estarão disponíveis nos contracheques de 32.980 servidores. E dentro do plano de redução de gastos da Prefeitura de Manaus, vamos gerar uma mesma folha de pagamento, um único contracheque. O que será bom para o servidor e será ótimo também para aquecer a economia na cidade de Manaus.”

    De acordo com o secretário Ulysses Tapajós, a Prefeitura de Manaus se programou para garantir o pagamento da primeira parcela do 13º dentro do prazo que já é esperado pelos servidores.

    “A prefeitura se programou e os servidores receberão o adiantamento do 13º, como acontece todos os anos”, afirmou.


    Com informações da assessoria

    Mais lidas

    1. Em trabalho de parto, mulher dá à luz em carro com ajuda de PMs