Fonte: OpenWeather

    Sem Categoria


    Dez presos fazem motim no Ipat e um sai ferido

    A amotinação gerou um tumulto entre os seguranças e os presos - Foto: Reprodução
    A amotinação gerou um tumulto entre os seguranças e os presos - Foto: Reprodução

    Um grupo de dez presos armou um motim no Instituto Penal Anísio Trindade (Ipat), localizado no quilômetro 8 da BR-174, por volta de 14h30 desta quarta-feira (11), ao tentar impedir a transferência do detento Welley Gomes de Amorim, do regime provisório, que seria levado para o Unidade Prisional do Puraquequara (UPP). Um detendo saiu ferido.  
    De acordo com informações preliminares do titular da Secretária de Estado de Administração Penitenciária (Seap), Pedro Florêncio, a amotinação gerou um tumulto entre os seguranças e os presos, sendo que um detendo acabou saindo ferido e precisou ser levado a uma unidade hospitalar da capital. O secretário salientou que a ocorrência estava sob controle.

    Durante a revolta dos detentos, um deles ficou com um ferimento do lado esquerdo do corpo.  O secretário não soube informar que tipo de lesão atingiu o preso, mas ressaltou que não teve luta corporal entre a polícia e os presos e afirmou que “todo a situação foi controlada apenas no diálogo entre os funcionários da penitenciária, o Coordenador de Centros Penitenciários, major Lima Júnior e os detentos”.

    O homem que ficou ferido não teve o nome divulgado e foi levado primeiramente ao Hospital Delphina Aziz, na Zona Norte, e depois foi encaminhado para o Hospital Platão Araújo, na Zona Leste.

    Por Joandres Xavier