Fonte: OpenWeather

    Sem Categoria


    Bancada do Amazonas vota a favor do impeachment de Dilma

    A bancada do AM votou por unanimidade a favor do impeachment de Dilma - foto: divulgação

    menos com base na ação atual).

    O primeiro a votar, deputado Alfredo Nascimento (PR) renunciou o cargo de presidente nacional do partido, onde estava desde 2010, e votou sim ao impeachment, diferente da orientação dada pela sigla.

    “Eu presido nacionalmente o Partido da Republica e em uma reunião da executiva decidimos votar contra o impeachment, em respeito ao meu partido e aos meus colegas parlamentares quero comunicar a esta casa que renuncio o meu mandato de presidente nacional do PR, porque entendo que meu voto não é do governo, nem do partido e sim do povo amazonense”, disse o parlamentar.

    Outra surpresa foi o voto do deputado Hissa Abraão (PDT) que discordou também da orientação dada pelo partido. O parlamentar, que ocupa o cargo de presidente do diretório regional e é pré- candidato a prefeitura de Manaus, pode sofrer uma punição já que o partido anunciou que isso seria feito com quem fosse contrária a decisão.

    Em nota, o parlamento disse ter ciência da consequência que pode sofrer com sua decisão, mas acredita no projeto macro que o PDT tem para Manaus. “As três opções de voto teriam consequências ruins para mim, para o partido e para a cidade, principalmente, ao meu eleitor que me elegeu e me delegou o cargo. Acredito que o meu partido me entenda e mantenha o nosso projeto macro para a capital, que é ter uma candidatura forte, para que possamos lutar fortemente pela prefeitura. O mais importante nisto tudo é servirmos ao país e ao povo", disse.

    Outro voto que surpreendeu foi o da deputada Conceição Sampaio (PP), que também votou favorável a o afastamento da presidente, mantendo o direcionamento do partido.

    Como esperado os outros cinco deputados – Arthur Bisneto (PSDB), Átila Lins (PSD), Pauderney (DEM), Marcos Rotta (PMDB) e Silas Câmara (PRB),  que já haviam declarado o voto, apenas confirmaram as suas vontades.

    Por Kattiúcia Silveira e Luana Dávila

    Mais lidas

    1. Em trabalho de parto, mulher dá à luz em carro com ajuda de PMs