Fonte: OpenWeather

    Sem Categoria


    Ativistas vão às ruas acompanhar votação do impeachment de Dilma

    No posto 700, localizado na esquina da avenida Djalma Batista com a rua Pará, no Vieiralves, um carro de som e um telão foram colocados para que a população acompanhar a votação - foto: divulgação
    No posto 700, localizado na esquina da avenida Djalma Batista com a rua Pará, no Vieiralves, um carro de som e um telão foram colocados para que a população acompanhar a votação - foto: divulgação

    Dois grupos de ativistas contra e pró Governo Dilma acompanham, em via pública, a votação do afastamento da presidente que acontece na noite desta quarta-feira (11), no Senado, em Brasília. Os movimentos Amazonas em Ação e Frente Brasil Popular se mobilizaram e montaram estrutura com som e telão para acompanhar a votação ao vivo, em dois pontos diferentes de Manaus.

    No posto 700, localizado na esquina da avenida Djalma Batista com a rua Pará, no Vieiralves, um carro de som e um telão foram colocados para que a população acompanhar a votação, segundo o coordenador do movimento Amazonas em Ação que é contra o governo Dilma.

    Na Praça do Congresso, localizada no Centro de Manaus, o movimento Frente Brasil Popular, grupo favorável a permanência do governo, que tem atuantes no país inteiro, montou uma estrutura com caixas de som e um telão, onde a senadora Vanessa Graziotin (PCdoB) fez um pronunciamento aos presentes. Populares que passavam pelo local pararam para acompanhar as discussões políticas.

    Em ambas os locais, a previsão dos organizadores era de permanecer no local até o fim da votação dos senadores. No posto 700, a rua Pará foi interditada para que as pessoas ocupassem a rua. O Instituto de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) deu apoio, além da Polícia Militar.

    Por Joandres Xavier

    Mais lidas

    1. Em trabalho de parto, mulher dá à luz em carro com ajuda de PMs

    2. Cartão fidelidade: alternativa para espantar crise atrai clientes em Manaus