Fonte: OpenWeather

    Prevenção


    PM intensifica projetos de prevenção à violência na zona leste

    O programa é focado em estudantes em situação de vulnerabilidade social, expostas a situações de violência e entorpecentes

    Desde que foi implantado pela Companhia, em fevereiro deste ano, os policiais já realizaram cerca de 180 palestras nas 15 escolas atendidas, o equivalente a 20 palestras por mês. | Foto: Carlos Soares / SSP-AM

    Desde que foi implantado pela Companhia, em fevereiro deste ano, os policiais já realizaram cerca de 180 palestras nas 15 escolas atendidas, o equivalente a 20 palestras por mês.
    Desde que foi implantado pela Companhia, em fevereiro deste ano, os policiais já realizaram cerca de 180 palestras nas 15 escolas atendidas, o equivalente a 20 palestras por mês. | Foto: Carlos Soares / SSP-AM

    Manaus Orientação através de palestras foi um dos caminhos que os policiais militares da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atua no patrulhamento em três bairros e três conjuntos da zona leste de Manaus, encontraram para prevenir e combater a violência, principalmente, entre os adolescentes. A iniciativa faz parte do projeto “Escola Segura e Cidadã”, desenvolvido pela Polícia Militar em diversas unidades de ensino da capital.

    Com a 11ª Cicom, o trabalho é realizado nos bairros Coroado 1, Coroado 2, Coroado 3, Conjunto Ouro Verde, Conjunto Tiradentes e Conjunto Vilar Câmara. O programa é focado em estudantes em situação de vulnerabilidade social, expostas a situações de violência e entorpecentes. As ações são no sentido de combater esses ilícitos e proteger os jovens, incluindo na prevenção também da violência escolar.

    “Nós criamos um grupo no Whatsapp em que estão inseridos todos os gestores das escolas da área. Ao terem alguma demanda de policiamento ou de palestra, eles fazem o contato conosco através do grupo, solicitando a presença da polícia ou a palestra que desejarem, dependendo do nível de escolaridade”, explicou o comandante da 11ª Cicom, Major Derquian Machado.

    Para Evandro Azevedo, gestor da Escola Estadual Antônio Maurity Monteiro Coelho, localizada no Conjunto Ouro Verde, onde estão ocorrendo palestras com alunos do 1º ano do Ensino Médio, a parceria escola e polícia é de extrema importância.

    A iniciativa faz parte do projeto “Escola Segura e Cidadã”, desenvolvido pela Polícia Militar em diversas unidades de ensino da capital.
    A iniciativa faz parte do projeto “Escola Segura e Cidadã”, desenvolvido pela Polícia Militar em diversas unidades de ensino da capital. | Foto: Carlos Soares / SSP-AM

    “Não é tão atrativo quando a família chama atenção, quando a escola chama atenção. Por isso, nós reforçamos essa parceria com a Polícia Militar para o segundo semestre, com este ciclo de palestras para que outras pessoas não os peguem para adversidades”, disse.

    Já o aluno do 1º ano do Ensino Médio Matheus Macedo gostou da palestra dos policiais e vê a orientação como algo positivo para os estudantes. “Eu acho bom o trabalho de orientar os jovens para não se envolver com esse tipo de crime”, afirmou o adolescente de 16 anos.

    Desde que foi implantado pela Companhia, em fevereiro deste ano, os policiais já realizaram cerca de 180 palestras nas 15 escolas atendidas, o equivalente a 20 palestras por mês.

    *Com informações da assessoria