Fonte: OpenWeather

    auxílio


    'Nossa Merenda' será pago na segunda-feira (8) em Manaus

    O auxílio, no valor de R$50, faz parte da ação emergencial determinada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, por conta da pandemia do novo coronavírus.

    Para receber o benefício, as famílias devem fazer o cadastro no aplicativo “Carteira BB”, do Banco do Brasil
    Para receber o benefício, as famílias devem fazer o cadastro no aplicativo “Carteira BB”, do Banco do Brasil | Foto: Divulgação Semcom

    Manaus - A Prefeitura de Manaus começará a pagar o auxílio do programa “Nossa Merenda”, no valor de R$ 50, na segunda-feira (8), para mais de 58 mil alunos da Secretaria Municipal de Educação (Semed), que vivem em situação de vulnerabilidade social e econômica. O total a ser pago pelo município é de R$ 2,9 milhões. 

    A medida é uma ação emergencial determinada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, por conta da pandemia do novo coronavírus, que provocou a suspensão das aulas presenciais da rede municipal, para evitar aglomeração social nas escolas.

    “Já estamos distribuindo os kits do ‘Hora da Merenda” e somando com mais essa atitude, as nossas crianças e adolescentes vão ter a garantia de alimentação e poder continuar com suas aulas e deveres a distância”, destacou o prefeito.

    Como receber o benefício

    Para receber o benefício, as famílias devem fazer o cadastro no aplicativo “Carteira BB”, do Banco do Brasil, e informar a quantidade de crianças matriculadas na rede municipal de ensino. A lista dos beneficiários estará disponível no site da Semed http://semed.manaus.am.gov.br/

    Mais de 41 mil famílias devem receber o benefício, que será pago nos moldes previstos pela Lei 1.402, de 14 de janeiro de 2010, que instituiu o programa Bolsa Família Municipal Consorciada (BFMC), destinado à transferência de renda mínima para famílias em situação vulnerável. 

    Aplicativo

    O aplicativo pode ser baixado em qualquer aparelho celular (Android ou iOS) e é necessário que o responsável informe todos os dados corretamente, para que não seja prejudicado e fique sem receber o auxílio. O APP não tem prazo de validade e pode ser usado pelo beneficiário, para fazer recebimentos e pagamentos, mesmo após o período de recebimento dos benefícios sociais. Os créditos recebidos não expiram e o beneficiário poderá utilizá-los a qualquer tempo.

    O subsecretário de Infraestrutura e Logística da Semed, Darcelo Cavalcante disse que a medida vai beneficiar os alunos cadastrados no Bolsa Família. “O valor de R$ 50 e o kit de alimentos do ‘Hora da Merenda’ serão um reforço alimentar aos alunos que não estão se alimentando na escola e vivem em situação de vulnerabilidade”, explicou. 

    “Esta é uma ação da Prefeitura de Manaus que atenderá os nossos alunos em situação vulnerável. Famílias que necessitam dessa ajuda no orçamento, para garantir o sustento”, destacou a coordenadora municipal do programa Bolsa Família, na condicionalidade educação da Semed, Welciane da Silveira. 

    Além do benefício de R$ 50, os alunos da rede municipal recebem os kits do “Hora da Merenda”, que também é uma ação do programa “Nossa Merenda”, tudo para garantir e atender as necessidades nutricionais dos mais de 242 mil alunos da Semed. 

    Leia mais sobre o assunto:

    https://d.emtempo.com.br/amazonas/197534/sistema-de-saude-em-manaus-ja-colapsou-diz-prefeito-arthur-virgilio

    https://d.emtempo.com.br/amazonas/196639/camara-dobra-proposta-de-auxilio-nossa-merenda

    https://d.emtempo.com.br/politica/196397/prefeito-protocola-junto-a-cmm-medidas-de-protecao-a-manaus

    https://d.emtempo.com.br/amazonas/196376/nossa-merenda-podera-garantir-alimentacao-de-80-mil-alunos