Conservação ambiental


Fórum Internacional debate soluções de manejo de resíduos na Amazônia

O evento ocorrerá virtualmente com a participação de especialistas nacionais e estrangeiros, nos dias 9 e 10 de setembro

O Fórum Internacional Rios Limpos é uma iniciativa que envolve todos os países da Bacia Amazônica
O Fórum Internacional Rios Limpos é uma iniciativa que envolve todos os países da Bacia Amazônica | Foto: Divulgação

Manaus - Debater soluções para a destinação correta dos resíduos sólidos flutuantes na Amazônia será o destaque do Fórum Internacional Rios Limpos. O evento ocorrerá virtualmente com a participação de especialistas nacionais e estrangeiros, nos dias 9 e 10 de setembro, a partir das 9h30 (horário de Manaus), no canal do Youtube da Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (SDSN Amazônia). Será aberto ao público e para realizar a inscrição, basta acessar o link: https://us02web.zoom.us/webinar/register/WN_nsSgWP9STwC-ob8mIDyiBg

O Fórum tem apoio da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e da Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ), que é a Agência Alemã de Cooperação Internacional. Um dos principais objetivos do evento é apresentar os resultados do relatório técnico do Projeto Rios Limpos, elaborado por especialistas com estudos sobre a caracterização dos resíduos sólidos, o marco sócio-politico e levantamento de soluções nas cidades de Manaus (AM), Iquitos (Peru) e Letícia (Colômbia), que compõem a Bacia do Rio Amazonas.

Conservação dos recursos hídricos

“O Fórum Internacional Rios Limpos é uma iniciativa que envolve todos os países da Bacia Amazônica, na medida em que trazemos a temática da conservação dos recursos hídricos, do saneamento, da despoluição dos igarapés e rios numa perspectiva regional. Teremos exemplos do Peru, Colômbia, Brasil e de vários projetos que estão desenvolvendo soluções práticas. A nossa expectativa é que isso possa dar visibilidade e, a partir dessa visibilidade, estimular o intercâmbio de soluções entre os países e entre as diferentes instituições que atuam na Bacia Amazônica como um todo”, explica o superintendente geral da FAS, Virgilio Viana.

| Foto:

O assunto vai ser tratado pelos representantes da Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Amazonas (Sema), Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Produtividade do Governo do Amazonas da Colômbia, Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (SINCHI), Instituto de Investigaciones de la Amazonía Peruana (IIAP), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e FAS.

Além disso, o Fórum terá debates sobre reciclagem e destinação correta dos resíduos sólidos com a participação da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis Nova Recicla de Manaus, Amazonas Sin Límites (Letícia) e Ciudad Saludable (Iquitos).

O segundo dia do evento online vai ser marcado por temas relacionados a negócios sociais e como empresas e instituições estão tratando de forma moderna e sustentável a destinação dos resíduos sólidos. Os participantes confirmados são os representantes das iniciativas: Eu Reciclo, Projeto de Restauração Ecológica e Urbanização Sustentável (Reusa) e Grupo Ambiental Tierra Amazónica (GATIA), que fica no Peru. 

Painel de debates

Finalizando o evento, também haverá um painel de debate dos governos das três cidades (Manaus, Iquitos e Letícia. Os participantes serão o secretário da SEMA, Eduardo Taveira, o secretário da SEMULSP, Paulo Faria e representantes da Secretaria de Competitividade, Meio Ambiente e Turismo da Alcadía de Letícia e da Gerencia de Saneamento e Saúde Ambiental da Municipalidade Provincial de Maynas.

“A importância desse evento é que dá visibilidade a um tema essencial para o futuro da Amazônia, que é a conservação dos recursos hídricos. A Amazônia é em boa medida a ‘pátria das águas’ e nós temos que cuidar desse maior patrimônio”, conclui Viana. 

Com informações da assessoria

Leia mais

Vídeo: Cavalo é abandonado doente em estrada no Amazonas

Entorno das ruínas de Paricatuba sofre dano ambiental; Dema investiga