Fonte: OpenWeather

    Pandemia


    Quase 2 mil casos de Covid-19 registrados no AM e 46 óbitos

    Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 1.106 pacientes internados, sendo 738 em leitos (271 na rede privada e 467 na rede pública), 349 em UTI (134 na rede privada e 215 na rede pública) e 19 em sala vermelha

    Os bombeiros fazem o atendimento no Hospital 28 de Agosto | Foto: divulgação

    A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), por meio do Boletim Diário de Covid-19, edição de nº 277, informa, nesta terça-feira (05/01), o diagnóstico de 1.928 novos casos de Covid-19, totalizando 204.900 casos da doença no estado.

    Ainda de acordo o boletim, foram confirmados 46 óbitos por Covid-19, sendo 30 ocorridos na segunda-feira (04/01) e 16 encerrados por critérios clínicos, de imagem, clínico-epidemiológico ou laboratorial, elevando para 5.414 o total de mortes. 

    Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, na segunda-feira, foram registrados 29 sepultamentos por Covid-19.

    O boletim acrescenta, ainda, que 25.576 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas pelas secretarias municipais de Saúde, o que corresponde a 12,48% dos casos confirmados ativos.

    Em cumprimento à decisão judicial no processo nº 0600056-61.2021.8.04.0001, a partir desta edição do boletim, a Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) divulga as informações relativas à ocupação de leitos na capital e no interior.

    Rede de assistência 

    Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 1.106 pacientes internados, sendo 738 em leitos (271 na rede privada e 467 na rede pública), 349 em UTI (134 na rede privada e 215 na rede pública) e 19 em sala vermelha, estrutura voltada à assistência temporária para estabilização de pacientes críticos/graves para posterior encaminhamento a outros pontos da rede de atenção à saúde.

    Há, ainda, outros 468 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 376 estão em leitos clínicos (160 na rede privada e 216 na rede pública), 73 estão em UTI (57 na rede privada e 16 na rede pública) e 19 em sala vermelha.