Fonte: OpenWeather

    Emergência


    Profissionais de saúde contratados começam a se apresentar no AM

    Profissionais de saúde contratados começam a se apresentar nas unidades da SES-AM em Manaus

     

    Profissionais de saúde são convocados para reforçar hospitais no Amazonas
    Profissionais de saúde são convocados para reforçar hospitais no Amazonas | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - Profissionais de saúde convocados para reforçar a linha de frente no combate à Covid-19 no Amazonas começaram a se apresentar nas unidades hospitalares, em Manaus. De acordo com a assessoria, os novos profissionais estão sendo encaminhados para hospitais e prontos-socorros (HPSs), fundações e maternidades, além dos serviços de pronto atendimento (SPAs).  

    Os profissionais foram chamados para reforçar a área de saúde no Amazonas, após a pandemia do novo coronavírus reiniciar forte nesse início de ano no Estado, sobrecarregando hospitais de doentes.

     

    | Foto:

    No início da manhã desta sexta-feira (08/01), a fisioterapeuta Andreia da Gama já estava a postos para assinar o contrato na sede da SES-AM, no Aleixo. Andreia se junta a outros médicos intensivistas, clínicos gerais, farmacêuticos, enfermeiros intensivista e técnicos de enfermagem que vão operacionalizar a assistência nos novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede.

    Como o fisioterapeuta é primordial e indispensável no tratamento de pacientes com Covid-19, eu estou me dispondo, também, a contribuir. Eu já trabalho na área e fico feliz em estar trabalhando com a recuperação desses pacientes”, disse a profissional, que a partir de agora vai cuidar de pacientes oncológicos que também travam luta contra o novo coronavírus e estão internadas na UTI da Fundação Centro de Controle de Oncologia (FCecon). 

     

    Profissionais de saúde se apresentam para reforçar linha de frente no Amazonas
    Profissionais de saúde se apresentam para reforçar linha de frente no Amazonas | Foto: Divulgação

    Parceria com Ministério da Saúde

    As contratações dos profissionais de saúde no Amazonas são fruto da parceria com o Ministério da Saúde, que disponibilizou o banco de dados de profissionais, e da contratação de servidores da rede que dispunham de disponibilidade. 

    De acordo com o chefe do Departamento de Gestão de Recursos Humanos (DGRH) da SES-AM, Mário Mendonça Júnior, o início é imediato. “Esses profissionais já são indicados (pelo Ministério da Saúde), já tiveram a expertise anteriormente no combate. Então, já serão direcionados diretamente às unidades que estão sendo, hoje, de combate à Covid-19”, disse. 

    Mais leitos

    A rede estadual teve um aumento de 154% do número total de leitos Covid no período, saindo de 457 para os atuais 1.164.

    Em relação ao número de UTIs, o quantitativo mais que dobrou desde o início do plano de contingência, saindo de 130 para 299 leitos de UTI Covid (+130%).

    Leia mais:

    www.emtempo.com.br/ultimas

    www.emtempo.com.br/coronavirus

    www.emtempo.com.br/especiais