Fonte: OpenWeather

    INFRAESTRUTURA


    Governo do Amazonas avança na recuperação da orla de Japurá

    As fortes chuvas e infiltrações de águas pluviais nas margens dos rios reforçam os processos erosivos, ocasionando o fenômeno das terras caídas

     

    O Governo do Amazonas  já avançou 38% nas obras e serviços de contenção de processo erosivo na orla de Japurá, município distante 744 quilômetros de Manaus
    O Governo do Amazonas já avançou 38% nas obras e serviços de contenção de processo erosivo na orla de Japurá, município distante 744 quilômetros de Manaus | Foto: Divulgação/Seinfra

    Manaus (AM) - O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), já avançou 38% nas obras e serviços de contenção de processo erosivo na orla de Japurá, município distante 744 quilômetros de Manaus.

    Com 3.656,00m2, a obra conta com investimento de R$ 1.837.900,59 e tem previsão de término para final do mês de outubro. Os serviços que estão sendo executados nesta fase são: escavação, reaterro e compactação de solo.

    Serão realizados também serviços de contenção de processo erosivo, drenagem profunda e superficial, pavimentação e guarda-corpo, entre outras.

    As fortes chuvas e infiltrações de águas pluviais nas margens dos rios reforçam os processos erosivos, ocasionando o fenômeno das terras caídas.

    Segundo o secretário de Infraestrutura, Carlos Henrique Lima, as enchentes e vazantes também contribuem para o surgimento de processos erosivos. 

    "

    A chegada do período chuvoso se reflete nas enchentes, que contribuem no surgimento de processos erosivos. Com isso, há desmoronamentos, pelo enfraquecimento da orla "

    Carlos Henrique Lima, secretário de Infraestrutura

     

    Situado na calha do Alto Solimões, Japurá tem uma população estimada em 2.251 habitantes, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), referentes a 2020.

    *Com informações da assessoria 

    Leia mais:

    Prefeitura de Manaus e Cigás buscam parcerias para implementar obras

    Rio Negro permanece estável em 30 metros pelo quarto dia consecutivo

    Jacaré chama atenção pelo tamanho ao nadar em rua alagada de Manaus