Fonte: OpenWeather

    Fogo


    Balsa explode e deixa trabalhador ferido em Manaus

    O homem de 40 anos teve as duas pernas fraturadas após ser lançado no rio durante a explosão

    O Corpo de Bombeiros foi acionado para o local | Foto: divulgação

    Manaus – Um homem de 40 anos ficou ferido após uma balsa explodir, na manhã desta segunda-feira (18), no Porto do Demetrio, localizado no bairro Colônia Oliveira Machado, na Zona Sul de Manaus. A vítima teve queimaduras pelo corpo e fraturou as duas pernas após ser lançado no rio durante a explosão.

    O Corpo de Bombeiros Militar da Amazônia (Cbmam) foi acionado para conter o incêndio por volta das 7h30. De acordo com o tenente Salim Feijó, a balsa explodiu devido ao contato de gases inflamáveis com uma faísca de solda.

    "Essa balsa fazia o transporte de gasolina, mas no momento da explosão estava vazia. Tinha apenas gases inflamáveis, que pegaram no momento que um soldador estava realizando reparos na balsa", explicou. 

    Local onde aconteceu a explosão
    Local onde aconteceu a explosão | Foto: Ione Moreno

    Leia também: Incêndio destrói embarcação na Manaus Moderna

    Ainda segundo o tenente, para conter o incêndio foram necessários cinco mil litros de água. Feijó fez um alerta, segundo ele, trabalhos em balsas com materiais inflamáveis precisam ser acompanhados por técnico de seguranças.

    "É um serviço de alto risco e, por isso, deve ser acompanhado por um técnico de segurança", fez o alerta. 

    O trabalhador foi resgatado por pessoas que passavam no local e levado ao Serviço de Pronto Atendimento do bairro Educandos. Devido a gravidade dos ferimentos, a vítima foi encaminhado para o Hospital e Pronto-socorro 28 de Agosto, na Zona Centro Oeste de Manaus.

    A reportagem tentou entrar em contato com a direção do porto pelo número **-1115, mas não obteve resposta até o momento da publicação desta matéria.

    Investigação 

    O 9º Distrito Naval (Com9º DN)informou que uma equipe de Inspeção Naval da Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC) foi ao local do ocorrido, para fazer o levantamento das informações iniciais.

    Um inquérito será instaurado para apurar as causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente, que não ocasionou riscos à navegação e nem poluição hídrica.

    Leia mais: 

    Casa incendeia e idosa tem parte do corpo queimado no interior do AM

    Ônibus são apedrejados, depredados e incendiados em várias cidades

    Incêndio destrói lanche no Morro da Liberdade, em Manaus