Fonte: OpenWeather

    serviço comunitário


    Ação social oferece atendimento a vítimas de incêndio em Manaus

    A 16º edição do evento conta com serviços de todas as secretarias no Educandos, onde ocorreu o incêndio de 600 casas. As vítimas e demais moradores podem usufruir da ação social

    Manaus - Como parte da força-tarefa em atendimento às comunidades carentes no fim do ano, inclusive vítimas do incêndio no Educandos, a Prefeitura montou um posto de atendimento social juntando todas as secretarias neste sábado (22). A escola municipal Nazira Daou, Educandos, Zona Sul, abrigou stands e cabines de serviços gratuitos à população.

    Sendo a 16º edição da atividade, a média de público atendida é de geralmente entre 1,5 e 3 mil pessoas. Como dessa vez a concentração foi no local onde houve a tragédia envolvendo quase 600 casebres de madeira, o número de pessoas deve diminuir, segundo a organização do evento. 

    Atendimentos médicos foram inclusos nesta manhã
    Atendimentos médicos foram inclusos nesta manhã | Foto: Divulgação/Assessoria

    A Defesa Civil registrou ao todo, 622 famílias que ficaram desabrigadas. Emissão de documentos, exames com clínico-geral, manicure e corte capilar, cadastro de emprego, entre outros, foram os serviços oferecidos. Apesar de atender as vítimas do incêndio, o prefeito Arthur Neto (PSDB) ressaltou que toda os cidadãos manauenses puderam ir ao local.

    "O evento é uma aproximação dos trabalhos públicos com as comunidades, em que colocamos pontos temporários de atendimento. Aproveitamos esse período e continuamos todo o esforço feito com as famílias desabrigadas", explicou. Sobre os estímulos federais oferecidos pelo presidente Michel Temer (MDB) nesta semana aos desabrigados, Arthur alfinetou que recebeu R$ 0 de Brasília.

    "O engraçado foi que ele nos ofereceu ajuda, antes de sequer pedirmos. Com isso, solicitamos R$ 5 mil para cada família que foi vítima, além do auxílio-aluguel. Esperamos que o próximo presidente lembre que ele herdou um dever social com o povo de Manaus, inclusive devido ao número de eleitores que o ajudou nas últimas eleições", continuou.

    Contas perdoadas 

    No evento, a Prefeitura também anunciou que a nova empresa concessionária para o serviço de abastecimento de água e drenagem de esgoto retirou as contas atrasadas das famílias vítimas do incêndio.

    "Assim, queremos aproximar essas pessoas de um recomeço digno para um padrão de vida decente", finalizou o chefe do Executivo Municipal.

    Estética e beleza foram oferecidos gratuitamente
    Estética e beleza foram oferecidos gratuitamente | Foto: Divulgação/Assessoria

    Leia mais

    Miss Brasil visita abrigo e faz doação a vítimas de incêndio em Manaus

    Prefeitura irá revitalizar área de deslizamento de terra na Torquato

    Caminhada na Zona Leste alerta para a prevenção ao HIV/Aids