Fonte: OpenWeather

    NOSSA SENHORA DA AMAZÔNIA


    Imagem de Santa da Amazônia foi aprovada em 2011, diz arquidiocese

    A arquidiocese de Manaus e o Vaticano aprovaram o uso da imagem e passou a ser reconhecida oficialmente em 2011

    O vaticano autorizou a aprovação da imagem e passou a ser reconhecida oficialmente em 2011 | Foto: Divulgação

    Manaus - Uma notícia que está tomando conta das redes sociais esta semana sobre a aprovação do Vaticano de uma suposta imagem de Nossa Senhora da Amazônia em 2019, foi rebatida pela assessoria da arquidiocese de Manaus, já que a aprovação da imagem da Santa foi há 8 anos, ou seja em 2011, quando o líder da igreja católica ainda era o Papa Bento XVI. Segundo a arquidiocese, a circulação da imagem, no entanto, divulgada pelos internautas, trata-se de uma notícia requentada.

    A imagem, na época, criada pela designer amazonense Lara Denys Bonadiman, de 30 anos, que naquele ano tinha apenas 23 anos, foi a escolhida em um concurso realizado pela arquidiocese de Manaus, presidida pelo Arcebispo Dom Luis Soares Vieira para representar a Nossa Senhora da Amazônia, com características indígenas por causa da área missionária Nossa Senhora da Amazônia. No mesmo ano, o Vaticano aprovou a imagem e passou a ser reconhecida oficialmente.

    Segundo Lara, a criação da imagem naquele ano foi algo de grande importância. Porém, ela acredita que foi apenas usada por Deus para trazer fé, esperança para as pessoas. “Eu fico feliz. O objetivo era ter uma representação de Nossa Senhora Indígena, com características da nossa região. É claro que Maria é só uma. Mas acredito que ter uma representatividade de acordo com aquele povo, as pessoas se sentirão especiais”, disse.

    Atualmente Lara é artista e não tem trabalhado como designer em grandes empreendimentos, apenas em pequenos projetos pessoais ou para instituições de caridade. Segundo ela, por mais que ela tenha desenhado diversas artes em Manaus para diversas empresas, o foco dela hoje em dia tem sido outro.

     “Agora estou entrando para a arte, futuramente pretendo abrir um site galeria com os meus trabalhos com o meu nome, onde terá peças de arte de minha autoria. Agora sou casada, e as pessoas me conheciam por Lara Denys, hoje já uso o Bonadiman. E acredito que em breve estarei assinando também com esse sobrenome, por causa do meu marido, explicou.

    Leia mais 

    Vídeo: Arquidiocese ajuda famílias vitimas do incêndio em Manaus

    Grito dos Excluídos em Manaus faz passeata pelas minorias

    Pentecostes reúne milhares de fiéis em Manaus