Fonte: OpenWeather

    Investimento


    Prefeitura assina contrato de R$250 milhões para obras em Manaus

    O financiamento foi realizado com o Banco do Brasil em uma cerimônia no Palácio Rio Branco no Centro Histórico da capital

    Prefeito Arthur assinando contrato de financiamento
    Prefeito Arthur assinando contrato de financiamento | Foto: Jhonata Lobato / Em Tempo

    Manaus - A  cidade de Manaus será beneficiada com melhorias na infraestrutura e mobilidade urbana. O contrato de financiamento para as obras foi assinado pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, com o Banco do Brasil na tarde desta quarta-feria (2), por volta das 17h no Centro Cultural Palácio Rio Branco, na avenida Sete de Setembro, Centro Histórico. A solenidade contou com a presença de de secretários municipais e do vice-presidente do banco, João Rabelo Júnior.

    De acordo com o prefeito, R$ 200 milhões serão liberados ainda esse mês para custear as primeiras obras, e os outros R$ 50 milhões estarão disponíveis em Janeiro de 2020.

    Os recursos serão investidos em recapeamentos de vias, reformas de espaços públicos como os terminais de integração, o T3 na Cidade Nova, T4 no Jorge Teixeira e T5 no São José. Os valores contemplarão ainda a construção do T6, da Estações Arena, ciclovias e paisagismo.

    Investimentos anuais

    Arthur destacou ainda que, somente este ano, a prefeitura deve ultrapassar a marca de R$ 1 bilhão em investimento, resultado do equilíbrio financeiro e fiscal, que possibilitam captar recursos junto a instituições financeiras nacionais e internacionais.

    "

    “O Banco do Brasil sabe com quem está assinando esse contrato. Sabe que está lidando com cidade de contas equilibradas, com a Previdência organizada e com metas sendo cumpridas”, reforçou, dando como exemplo o Planejamento Estratégico Manaus 2030, que já conta com 35% das metas realizadas. "

    Arthur Virgílio Neto, Prefeito de Manaus

    O documento foi assinado na tarde desta quarta-feira no Palácio Rio Branco
    O documento foi assinado na tarde desta quarta-feira no Palácio Rio Branco | Foto: Jhonata Lobato / Em Tempo

     

     Outras obras em andamento também serão beneficiadas, como a restauração de prédios localizados no Centro Histórico de Manaus, reforma e construção de 21 unidades educacionais.

     O prefeito falou sobre a necessidade de custear as obras na cidade, com o empréstimo, de maneira flexível, para que nenhuma produção fique inacabada, e prejudique a população e os futuros líderes do governo na capital.

     "Não queremos ficar empacados com tantos recursos que não podem ser aplicados durante nosso mandato. Manaus tornou-se uma referência de cidade modelo, não podemos deixar que obras pela metade danifiquem a imagem dos manauaras. É graças a essa boa imagem que os investidores apostaram em nós através desse financiamento", ressaltou o prefeito.