Fonte: OpenWeather

    Operação de crédito


    Governo assina contrato de R$ 400 milhões com Banco do Brasil

    Os recursos tem como finalidade a amortização da dívida pública, a capitalização de Fundo Garantidor de Parceria Público-Privada e o pagamento de contrapartida de operações de crédito

    O governador Wilson Lima e a equipe do Banco do Brasil ainda discutiram propostas de futuras parcerias | Foto: Diego Peres/Secom

    Manaus - O governador Wilson Lima assinou, na tarde desta quarta-feira (2), um contrato para operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de R$ 400 milhões. O documento foi assinado durante uma reunião na sede do Governo do Amazonas, na Compensa II, zona oeste da capital, com a participação do superintendente do Banco do Brasil na região norte, Alexandre Inácio de Azevedo.

    “Nós temos uma boa relação com o Banco do Brasil, que se mostrou muito disposto a nos ajudar, e nossa equipe construiu um projeto para que esse recurso fosse aplicado não só nas obras de infraestrutura, mas também no reforço dos serviços prestados na área da saúde, especificamente no Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz”, explicou Wilson Lima.

    O projeto de lei que tratou da operação de crédito, oriundo da Mensagem Governamental nº 54/2019, foi aprovado em maio na Assembleia Legislativa do Amazonas, atende aos critérios da Lei de Responsabilidade Fiscal e os recursos terão três finalidades: a amortização da dívida pública, a capitalização de Fundo Garantidor de Parceria Público-Privada e o pagamento de contrapartida de operações de crédito.

    Segundo o secretário estadual de Fazenda, Alex Del Giglio, um montante de R$ 149,2 milhões será utilizado para o pagamento das dívidas de quatro programas; R$ 100 milhões para parceria público-privado (PPP) estadual, garantindo o funcionamento pleno do Hospital e Pronto-Socorro Delphina Rinaldi Abdel Aziz; e R$ 150 milhões para pagamento de contrapartida nos empréstimos em andamento.

    O aporte financeiro vai permitir a aceleração e continuação das obras do Prosamim III, recuperação de igarapés da cidade, construção do Anel Viário Leste, que ligará a Reserva Adolpho Ducke ao Distrito Industrial II, e a Duplicação da Rodovia AM-070, que liga Manaus a Manacapuru, dentre outras ações.

    “É uma forma de reafirmar a parceria do Banco com o Estado, ajudando a melhorar a qualidade de vida dos moradores do Amazonas e apoiando também o Governo na iniciativa que eles tiverem nesse sentido”, disse Raimundo da Silva Baia, gerente de Negócios do Banco do Brasil – Setor Público Amazonas.

    Parcerias

    O governador Wilson Lima e a equipe do Banco do Brasil ainda discutiram propostas de futuras parcerias nas áreas de saneamento básico, infraestrutura e meio ambiente que possam desenvolver a capital e o interior do Amazonas e melhorar a qualidade de vida das pessoas.

    “Toda e qualquer medida ou ação que tomamos tem sido com muita consciência e responsabilidade e é dessa forma que vamos continuar. Isso tem sido bom, porque assim como o Banco do Brasil, outras instituições já entenderam que o nosso objetivo é melhorar a qualidade de vida das pessoas e é para isso que estamos trabalhando”, afirmou o governador.

    *Com informações da assessoria