Fonte: OpenWeather

    Infraestrutura


    Chuva causa transtornos no bairro Betânia, em Manaus

    Desde 2007, os moradores aguardam uma providência das autoridades, em relação à retirada deles das proximidades do Igarapé do 40

    A forte chuva, durante a noite da última da última sexta-feira (27) resultou em inúmeros prejuízos na capital | Foto: Reprodução

    A forte chuva, durante a noite da última da última sexta-feira (27) resultou em inúmeros prejuízos na capital. Na rua Constituição, situada no bairro Betânia, Zona Sul de Manaus, os moradores denunciaram que algumas residências correm o risco de desabamento.

    De acordo com Reni Oliveira, dona de casa, desde o ano de 2007 os moradores aguardam uma providência das autoridades, em relação à retirada deles das proximidades do Igarapé do 40.

    A moradora no local há 22 anos e afirmou que teve inúmeros danos materiais.  "A correnteza estava muito forte. Um barranco caiu e levou uma das minhas casas. Vimos um corpo passando no igarapé. A gente quer sair daqui, porque a Defesa Civil já disse que vai desabar", afirmou Reni.

    A média de chuva para a cidade de Manaus alcançou 75 milímetros em três horas
    A média de chuva para a cidade de Manaus alcançou 75 milímetros em três horas | Foto: Reprodução

    Conforme os dados dos Pluviômetros Automáticos da Defesa Civil instalados na cidade, em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), a média de chuva para a cidade de Manaus alcançou 75 milímetros em três horas. As zonas mais atingidas foram a Leste e a Norte.

    Segundo Bruno Feijó, que é ex-militar e vive com a família no local, afirmou que a residência dele também corre riso de desabar. "Pedimos ajuda das autoridades, antes que vidas inocentes se percam e a comunidade seja ainda mais prejudicada", afirmou o morador. A reportagem esteve no local e constatou que várias construções, como igrejas e comércios, estão inclinadas sobre um barranco.

    A Seminf afirmou, em nota, que as providências relacionadas à moradia devem ser realizadas pela Defesa Civil
    A Seminf afirmou, em nota, que as providências relacionadas à moradia devem ser realizadas pela Defesa Civil | Foto: Izaías Godinho

    | Foto: Reprodução

    O Portal Em Tempo entrou em contato com a Secretaria de Estado de Infraestrutura para obter um posicionamento do órgão em relação às demandas da comunidade. O órgão afirmou que de responsabilidade da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf). A Seminf afirmou, em nota, que as providências relacionadas à moradia devem ser realizadas pela Defesa Civil. 

    A Defesa Civil Municipal frisou que a ocorrência foi registrada, e uma equipe compareceu ao local na última quarta-feira (2) , para fazer a vistorias. "A área está sendo monitorada", frisou o órgão.

    Acompanhe a matéria completa na Web TV Em Tempo: