morte


Vídeo:Vítimas de chacina em Presidente Figueiredo foram mortas pelo CV

Uma criança de dois anos foi baleada no local da chacina e foi encaminhada para o Hospital

| Autor: Jackson Salvaterra
 


Presidente Figueiredo - Os quatro homens mortos na comunidade Boa Esperança, em Presidente Figueiredo, faziam parte da Família do Norte (FDN) e foram assassinados por membros do Comando Vermelho. O delegado de polícia Valdinei Silva está a frente das investigações do crime. Este é mais um crime oriundo da guerra entre as facções no Amazonas.

As vítimas fatais foram identificados como Gabriel Neves Nery de 24 anos;  Rafael Simão da Silva de 29 anos; José Leandro de Souza Brandão, 21 anos e Lucyanno Marques de Oliveira, 21 anos. Segunda a polícia, esse tipo de crime tem características de acerto de contas. Dois dos mortos (Gabriel Neves e Rafael Silva) já possuem passagens pela polícia por tráfico de drogas.

Os mortos na Chacina já foram identificados, entre eles Gabriel Neves e Rafael Silva
Os mortos na Chacina já foram identificados, entre eles Gabriel Neves e Rafael Silva | Foto: Divulgação


Durante a chacina uma criança de dois anos foi baleada no ombro e encaminhada para o hospital de Presidente Figueiredo. Em seguida, ela foi transferida para Manaus. A mãe da criança o acompanhou até a capital. O estado de saúde dela é estável, segundo o delegado.

Violência

Moradores da comunidade afirmam que o tráfico de drogas domina a comunidade. Testemunhas informaram que os quatro homens estavam bebendo no momento que os rivais fortemente armados chegaram no local.  A guerra entre os traficantes tem causado pânico na pacata população de Boa Esperança.

No dia 21 de dezembro do ano passado, corpos de três homens foram encontrados degolados. Os cadáveres foram achados por moradores na Comunidade São Sebastião, no quilômetro 153, da BR 174, que acionaram os policiais da 37ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Presidente Figueiredo (distante a 106 quilômetros da capital). Os corpos estavam com vários cortes.

Assista a seguir o vídeo co encontro dos corpos:

Moradores estão assustados com a onda de violência | Autor: Divulgação