Fonte: OpenWeather

    Carnaval 2020


    A Soberana Aparecida comemora o título com festa na sede da escola

    Com troféu e ao som da bateria, a campeã Aparecida realiza festa na sede da escola

    Festa na frente da escola Aparecida Campeã 2020 | Foto: LEONARDO MOTA

     

    Festa na frente da escola Aparecida Campeã 2020
    Festa na frente da escola Aparecida Campeã 2020 | Foto: LEONARDO MOTA

    Manaus – É de arrepiar! A "Verde e Branca" realizou uma linda festa na tarde desta segunda-feira (24). Na sua sede, a escola campeã do Carnaval 2020 Mocidade Independente da Aparecida celebrou a vitória com o som da bateria e com o troféu. A folia que não tem hora para acabar, é na Avenida Ramos Ferreira, nº 154, bairro Aparecida.

    Com muita música e alegria, os foliões convidam a comunidade para a comemoração, independente da escola de coração, o importante é se divertir e sambar. Para participar desse festão leve seu RG e muita alegria e samba no pé. A entrada de bebidas é proibida.

    Carnavalesco Saulo Borges, que há 21 anos é Aparecida de coração
    Carnavalesco Saulo Borges, que há 21 anos é Aparecida de coração | Foto: LEONARDO MOTA

     Durante a festa, o Em Tempo conversou com o carnavalesco Saulo Borges, que atua na escola há cerca de 21 anos. Saulo que tem experiência no Carnaval manauara vibrante contou sobre a expectativa do título.

    “Eu não vou dizer que a vitória não era esperada porque nós fizemos um desfile que, se não foi perfeito, chegou perto da perfeição. Não digo ser esperada porque nós já tínhamos feito algo parecido em outros carnavais, mas acredito que era uma coisa quase certa. Nós tínhamos quase certeza da vitória, devido ao nosso empenho, dedicação e profissionalismo. A escola passou por momentos muito difíceis, passamos por três derrotas, mas, desta vez, cumprimos esse momento para vivermos o êxtase do ritual: a cura”, contou Saulo.

    O troféu da Campeã, que ganhou 179.9
    O troféu da Campeã, que ganhou 179.9 | Foto: LEONARDO MOTA

    Para o diretor da escola Luiz Pacheco, 2020 foi um ano diferenciado. O ano do Penta tornou a Aparecida a única escola em Manaus com mais títulos.

    “O sentimento é de dever cumprido, sentimento. Há 3 anos a vitória vinha patinando e, hoje, graças a Deus, conseguimos o título.  Com isso, as pessoas voltaram a acreditar no nosso projeto de Carnaval. Trouxemos um enredo diferente. ‘Rituais’ foi um presente de nossos compositores, poetas da soberana, que agora nós conseguimos formar. Eles tiveram essa espetacular ideia desse samba, que ficou na boca do povo” disse o diretor.

    A festa continua e as atrações do desfile também. Não deixe de prestigiar a escola campeã de 2020. É Carnaval, sai de casa.  Aproveite.