Fonte: OpenWeather

    Desaparecido


    Em Manaus, idoso desaparece após pescaria com 'amigos' em flutuante

    O que intriga a família é que as duas pessoas que se dizem amigas da vítima apresentaram três versões de afogamento, indicando que o idoso morreu. Quatro meses depois, a localização do corpo continua um mistério

    O desaparecimento foi registrado pela Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops) | Foto: Divulgação

    Manaus - Desde o sábado do dia 19 de outubro de 2019, por volta das 16h, Ademir Maciel dos Santos, de 64 anos, está desaparecido. O idoso foi visto pela última vez em um flutuante, localizado no bairro Colônia Antônio Aleixo, tendo em seguida saído em uma canoa para pescar com dois homens desconhecidos que se diziam amigos de Ademir. Neste sábado (29), a família falou sobre o caso em entrevista ao Portal Em Tempo. 

    A filha de Ademir, Sônia Santos, relatou ao Portal Em Tempo que os dois homens são conhecidos pelos apelidos de ‘’David Benacon’’ e ‘’Vulgo Macaquinho’’ e que retornaram para suas casas, mas Ademir continua desaparecido.

    Um deles, ‘’David’’, se pronunciou no dia seguinte, após a pressão da família e da polícia - que já havia sido contatada - relatando à irmã de Sônia que Ademir havia morrido afogado.

    Conforme Sônia, na segunda-feira (21), dois dias após o sumiço, David foi até à Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops), na Delegacia Geral, no bairro Dom Pedro, Zona Oeste de Manaus, onde foi registrado o desaparecimento, e contou três versões diferentes de um possível afogamento. O outro homem, ‘’Vulgo Macaquinho’’, também foi à delegacia, mas deu um nome falso e foi liberado.

    Segundo a filha, o pai saiu sem nada de casa, somente com a roupa do corpo [acrescentou que ele estava com uma blusa verde]. Sônia também revelou que, até agora, o dono do flutuante em que Ademir estava não se pronunciou sobre o caso.

    Quem tiver informações sobre o paradeiro de Ademir Maciel, pode entrar em contato com a família por meio do número: (92) 99222-3127 (Sônia).