Fonte: OpenWeather

    Prosamim


    Governo estuda implantar Prosamim no interior do Amazonas

    Equipes estudam a implantação do modelo de saneamento para as cidades do interior do Amazonas

    Em 2019, o governador Wilson Lima anunciou os estudos preliminares  para a implantação de um novo programa no mesmo modelo do Prosamim
    Em 2019, o governador Wilson Lima anunciou os estudos preliminares para a implantação de um novo programa no mesmo modelo do Prosamim | Foto: Divulgação/UGPE-Seinfra

    Manaus - A equipe de técnicos e engenheiros da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) e consultores do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) percorreram nesta última semana, as cidades de de Coari, Iranduba e Parintins para iniciarem os estudos de viabilidade da implantação de novos projetos do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim). 

    O objetivo da ação é para a coleta de dados nos segmentos de infraestrutura, social e ambiental para fundamentar os estudos de viabilidade do programa.estiveram nessa última semana nos municípios. Em 2019, o governador Wilson Lima anunciou o início de estudos preliminares de viabilidade para a implantação de um novo programa de saneamento no mesmo modelo do Prosamim nessas regiões que inclui também a cidade de Itacoatiara.

    O coordenador executivo da UGPE, Marcellus Campêlo, ressalta que o Prosamim é um parâmetro nas áreas de engenharia, social e ambiental observando a implantação do programa na capital e em Maués. “A intenção do Governo do Amazonas é levar o projeto para outros municípios e esses estudos serão os balizadores da viabilidade da implantação do programa nessas cidades”.

    O subcoordenador de Engenharia da UGPE, o engenheiro civil João Benaion, afirmou que os aspectos observados na engenharia estão inseridos nos quatro pilares do saneamento básico, que são a cobertura e a qualidade do abastecimento de água, a coleta e a destinação do esgoto das residências. “Nesse momento inicial os estudos de viabilidade observam as alternativas e medidas melhorar o saneamento básico desses municípios”.

    O programa também recuperou uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE)
    O programa também recuperou uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) | Foto: Divulgação/UGPE-Seinfra

    Prosamim

    O Prosamim é um programa de saneamento que nasceu em 2003 para corrigir problemáticas ligadas à falta de saneamento, urbanização e habitação. O programa está na terceira fase e já beneficiou mais de 90 mil pessoas com a construção de moradias.

    No âmbito do saneamento, o programa já construiu mais de 130 quilômetros de redes de esgoto e, na mobilidade urbana, construiu novas vias em mais de 10 bairros; restaurou pontes centenárias e construiu nove parques urbanos criando áreas de lazer e pratica de esporte.

    ProsaiMaués

    O Programa de Saneamento Integrado de Maués (ProsaiMaués) foi projetado para corrigir problemas de saneamento básico, ocupação irregular e abastecimento de água no município. As obras do programa foram inauguradas no ano passado.

    O ProsaiMaués revitalizou o entorno das Lagoas do Prata e do Maresia, criando ambientes de lazer e práticas esportivas; beneficiou mais de 200 famílias que viviam sob o risco de contaminação em áreas alagadiças nas lagoas do Prata e do Maresia, com opções de moradias seguras e dotados de infraestrutura adequada; implantou mais de 18 mil metros de rede de coleta de esgoto e recuperou outros 13 mil metros de redes já existentes, dotando o município com mais de 50% de cobertura de coleta e tratamento de esgoto. 

    *Com informações da assessoria