Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    No AM, moradores de rua contam com assistência social durante pandemia

    Uma equipe composta por profissionais da saúde presta serviços

    | Autor: Patrícia de Paula/Em Tempo

    | Foto: TV Em Tempo

    Manaus - O coronavírus trouxe preocupação para todos, e para quem mora nas ruas de Manaus não foi diferente. Por isso, contar com um teto, alimentação e assistência médica nesse momento foi fundamental, pelo meno,  para mais de cem moradores em situação de rua que aguardavam por ajuda.

    São 111 pessoas, entre eles, nove mulheres e duas crianças. Elas foram abrigadas em uma escola no bairro Compensa, na Zona Oeste da cidade.

    Eles estão no local para que consigam passar por essa pandemia, de preferência, sem serem contaminados. Eles tiveram que passar por diversos exames. Segundo Ana Paula, gerente do programa de proteção social, eles estão sem máscaras por não apresentarem sintomas da covid-19.

    Durante o dia, os abrigados participam de atividades esportivas, de lazer e recebem roupas e cinco refeições ao dia, além de local para dormir. Cada pessoa também passa por uma equipe multidisciplinar - que realiza inclusive sessões de terapia. 

    | Foto: TV Em Tempo

    Segundo o representante da Sejusc, Edney Souza, no início de maio será realizada uma ação para que eles possam ter direito à documentação pessoal. Com os documentos em mão, os moradores de rua poderão ser inseridos em programas sociais.

    Profissionais como assistente sociais, psicólogos e enfermeiros passam diariamente no local. Segundo a equipe, o trabalho não é fácil, mas vale a pena.

    Confira a reportagem da TV Em Tempo:

    | Autor: Patrícia de Paula/Em Tempo
     

    *Texto Web: Marhia Edhuarda Bessa