Fonte: OpenWeather

    Ação


    Quarentena: Policia Militar fiscaliza comércios no Centro de Manaus

    A Avenida Eduardo Ribeiro foi flagrada com grande movimentação de pessoas durante a fiscalização da polícia

    Policiais realizaram a ação na manhã desta sexta-feira (8)
    Policiais realizaram a ação na manhã desta sexta-feira (8) | Foto: SSP-AM

    Manaus - Na manhã desta sexta-feira (8), uma ação da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) foi realizada para fiscalizar se comércios de serviços não essenciais estão funcionando no bairro Centro de Manaus. 

    A ação contou com o apoio da Polícia Militar e Polícia Civil. A fiscalização teria iniciado após o recebimento de várias denúncias sobre o funcionamento de lojas de serviços não essenciais, causando, assim, aglomeração de pessoas. 

    Após quase dois meses de quarentena, iniciada por conta da pandemia do novo coronavírus, o Centro de Manaus, que estava vazio, encontra-se agora com grande fluxo de pessoas. A Avenida Eduardo Ribeiro foi flagrada com grande movimentação durante a fiscalização da polícia.

    Os casos de Covid-19 crescem de forma desacelerada no Amazonas. Em 24h, o Estado registrou 856 novos diagnósticos, elevando o número para 10.099, segundo boletim epidemiológico divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), na quinta-feira (7). O registro de morte subiu para 806 

    O boletim aponta que 2.699 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão em isolamento social ou domiciliar. Outras 6.159 pessoas já passaram pelo período de quarentena (14 dias) e se recuperaram da doença.

    Há ainda outros 1.312 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 652 estão em leitos clínicos (194 na rede privada e 458 na rede pública) e 225 estão em UTI (91 na rede privada e 134 na rede pública).