Fonte: OpenWeather

    Festa à distância


    Idoso comemora 85 anos com festa temática de ‘quarentena’ em Manaus

    "Nenhum de vocês está convidado", essa era a descrição do painel da festa comemorada durante o isolamento social, em Manaus

    Figuras de álcool em gel e de emojis usando máscaras ornamentaram a festa
    Figuras de álcool em gel e de emojis usando máscaras ornamentaram a festa | Foto: Arquivo pessoal

    Manaus - "Nenhum de vocês está convidado". Com essa descrição fixada em um painel, o aposentado José Cruz comemorou, de forma consciente, o aniversário de 85 anos. O idoso ganhou uma festa com o tema "quarentena" durante o isolamento social, em Manaus. 

    A celebração contou com a presença de apenas quatro membros da família e aconteceu no apartamento onde eles moram, localizado no bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste da capital. No entanto, outros parentes participaram virtualmente, uma tendência de comemoração durante a pandemia do novo coronavírus no Brasil e no mundo. 

    Após ver uma publicação na rede social, a advogada Katheen Menezes, filha do aposentado, decidiu montar a decoração criativa. Ela contratou a ornamentação com símbolos que representam as medidas de prevenção contra a Covid-19. As figuras de álcool em gel e emojis usando máscaras deram um toque mais que especial na festa do José.

    "A festa seria no salão aqui do meu condomínio, mas tivemos que cancelar o planejamento inicial. Acredito que idosos voltam a ser crianças e adoram uma festinha. Então, eu não queria passar em branco e vi na internet um tema bem parecido com o que utilizamos. Eu consegui organizar tudo rapidinho. Participaram fisicamente apenas as pessoas de casa mesmo. Além do aniversariante, estavam meu esposo, filho, minha mãe e eu. Outros familiares acompanharam através de ligação por WhatsApp", contou. 

    Aniversariante recebeu presentes em casa
    Aniversariante recebeu presentes em casa | Foto: Arquivo pessoal

    O aposentado recebeu presentes em casa e quem estava longe recebeu a comida via delivery. A filha contou, ainda, que apesar do contato que o aniversariante teve por meio das telas de celulares, ele sentiu muito a ausência dos netos, filhos, sobrinhos e da mãe, que tem 101 anos. 

    "Quando a minha avó ligou para ele, não sabíamos quem chorava mais. Com certeza, ela foi a pessoa que ele mais sentiu falta. Tiveram muitas mensagens e ligações emocionantes. É muito difícil ficarmos longe da família, já era parte do costume nos reunirmos aos finais de semana para festejarmos. Mas o fato de estarmos todos bem e com saúde é de encher o coração de gratidão", disse Katheen. 

    Outras festas à distância

    De forma responsável, outros manauaras comemoraram seus aniversários à distância. E mesmo longe, a diversão foi garantida já que os convidados marcaram presença por meio das plataformas digitais.