Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    Deputado solicita construção de hospitais de campanha no AM

    O número de infectados e mortos em todo estado, como também nos territórios indígenas, vem aumentando todos os dias

    A solicitação é feita a fim de prestar assistência necessária a localidades mais distantes da capital, que não possuem estrutura adequada para o tratamento
    A solicitação é feita a fim de prestar assistência necessária a localidades mais distantes da capital, que não possuem estrutura adequada para o tratamento | Foto: Reprodução

    Amazonas -  Com o objetivo de contribuir para o enfrentamento da pandemia do Covid-19 no estado do Amazonas, que já contaminou até o momento 17.182 mil pessoas, conforme dados divulgados nessa quinta-feira (14), o deputado José Ricardo (PT/AM) enviou ao Governo Federal uma indicação para que o Ministério da Saúde, em caráter de urgência, tome providências necessárias para a construção de hospitais de campanha no estado, mais especificamente nas Calhas do Alto Rio Negro, Alto Solimões, Médio Solimões, Médio e Baixo Amazonas, como também em Manaus.

    O parlamentar defende que é necessário a construção desses hospitais nessas localidades, uma vez que o número de infectados e mortos em todo estado, como também nos territórios indígenas, vem aumentando todos os dias. A situação pode piorar, lembra o parlamentar, devido à falta de estrutura de saúde adequada e às complicações geográficas da região, que dificulta o deslocamento de pacientes para a capital.  

    José Ricardo defende que os hospitais de campanha sejam equipados com leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), considerando que nenhum dos municípios do interior possuem essa estrutura fundamental aos pacientes acometidos pelo Covid-19.

    “A instalação desses hospitais nessas localidades vai contribuir muitíssimo para o atendimento às pessoas contaminados pelo novo coronavírus, principalmente das comunidades indígenas da Amazônia, que contam atualmente com uma estrutura precária e aquém das necessidades. E que contam também basicamente com o trabalho de suas lideranças comunitárias, das entidades indigenistas e profissionais de saúde, que travam uma guerra quase solitária contra o vírus”, disse.

    De acordo com o documento enviado ao Governo Federal, as regiões das Calhas a serem contempladas com os hospitais de campanha nos seus respectivos municípios são: No Alto Rio Negro será no município de São Gabriel da Cachoeira; No Alto Solimões, em Tabatinga; No Médio Solimões deverá ser em Tefé; No Baixo Amazonas, em Parintins e no Médio Amazonas, na cidade de Itacoatiara. Além disso, nessas cidades que sediarão os hospitais de campanha, deverá também ter aeroportos com porte adequado. E esses hospitais serão destinados, preferencialmente, a pacientes acometidos do novo coronavírus e funcionarão de forma a complementar os sistemas de saúde das localidades relacionadas.

    A indicação atende ainda a demanda da Juventude Indígena do município de São Gabriel da Cachoeira, que manifestam preocupação com a Pandemia do Covid-19 na região. Eles informam que 98% da população do município é indígena e alertam para o aumento dos números de pessoas contaminadas, o que leva ao risco da contaminação para os demais distritos indígenas.

    *Com informações da assessoria