Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    Sargento Maranhão, da Rocam, morre de Covid-19 em Manaus

    O sargento estava em tratamento de um câncer no pulmão

    Sargento Douglas dos Santos Maranhão
    Sargento Douglas dos Santos Maranhão | Foto: Divulgação

    Manaus- Mais um policial militar foi vítima do novo coronavírus (Covid-19) no Amazonas. O sargento Douglas dos Santos Maranhão, o "Maranhão" do 2⁰ Batalhão de Choque da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), morreu, na manhã desta segunda-feira (18), no Hospital Rio Negro, na Zona Sul de Manaus. O sargento estava em tratamento de um câncer no pulmão.

    "Como um grande guerreiro, ele lutou contra um câncer no pulmão, nesse ínterim [intervalo] a batalha contra o coronavírus foi vencida, mas hoje Deus o recolheu. Que Deus conforte o coração de sua família de sangue e a família Rocam," disse o deputado federal Capitão Alberto Neto, por meio de publicação em uma rede social.

    Conforme a nota de pesar, da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), os familiares seguirão orientações de não ter aglomeração durante o velório, que será restrito. 

    "Já externamos nosso agradecimento pelo tempo de serviço, enquanto na ativa, bem como, unimos em oração pelo descanso de sua alma. A PMAM se solidariza com seus familiares e amigos, pedindo ainda conforto a seus corações e forças para transformar a dor da perda em esperança," diz a nota da PMAM.

    Coronavírus no Amazonas 

    O Amazonas atingiu, no domingo (17), 20.328 casos confirmados da Covid-19. Segundo boletim epidemiológico divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), foram 651 novos casos em relação ao sábado (16). Mais 38 pessoas morreram vítima da doença, elevando para 1.413 o total de óbitos.

    Casos seguem em alta

    O número de casos da Covid-19 no Amazonas aumentou 1.184% entre 15 de abril e 15 de maio. A quantidade de mortes pela doença também subiu: alta 1.074%. O estado é o quarto do país em quantidade de casos.

    Nos últimos dias, o Amazonas registrou recordes desde o início da pandemia. No dia 5 de maio, o estado teve o maior número de mortes em um único dia por Covid-19. Quatro dias depois, um novo recorde: 1.198 novos casos. Na terça, o salto foi de 1.249, o maior desde o início da pandemia.

    O Governo diz que que o aumento no número de casos novos é reflexo da ampliação da rede de diagnóstico e do aumento da testagem.

    Até as 11h de sexta-feira (15), de acordo com a Secretaria de Saúde, dos 243 leitos UTI disponíveis na rede pública estadual para pacientes com Covid-19, 82% estavam ocupados.

    Policiais recuperados da Covid-19

    A Polícia Militar do Amazonas informou que registrou, até a última sexta-feira (15), 164 policiais militares recuperados do novo coronavírus (Covid 19). A iniciativa da corporação de oferecer à tropa tratamento para combater o vírus vem apresentando resultados extremamente positivos.

    Diversas ações foram empregadas como a distribuição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), higienização e descontaminação de viaturas e lanchas das unidades operacionais e administrativas, higienização e sanitização dos quartéis, acompanhamento de serviço social, campanhas de conscientização com criação de vídeos orientativos e cartilhas digitais, além de campanhas de vacinação com sistema drive thru.