Fonte: OpenWeather

    Solidariedade


    No AM, família pede ajuda para trazer corpo de adolescente morto em RR

    O adolescente morreu na manhã de segunda-feira (22). Familiares buscam ajuda financeira para fazer o translado do corpo

    O adolescente tinha 14 anos de idade
    O adolescente tinha 14 anos de idade | Foto: Divulgação

    Iranduba - Familiares do adolescente Estevão Souza, que tinha apenas 14 anos, buscam ajuda financeira  para arrecadar a quantia de R$ 3, 5 mil para pagar o translado do corpo do adolescente, do Estado de Roraima para o município Iranduba (distante 27 quilômetros em linha reta de Manaus). O jovem foi encontrado enforcado em uma corda, na manhã de segunda-feira (22),  pelo próprio pai, . O adolescente sofria de depressão e acabou cometendo suicídio

    Conforme a mãe dele, Ana Ester Conceição, o adolescente tinha viajado no último dia 12 de junho para passar um período com o pai no Estado vizinho. A família já havia percebido sinais de depressão, mas conforme a mãe, nunca imaginaram que o jovem poderia tirar a própria vida. Estevão residia no bairro Graça Lopes, em Iranduba e deixa dois irmãos.

    "O pai dele saiu de manhã e quando voltou já encontrou Estevão morto. Imediatamente começamos a pesquisar valores para o translado do corpo, pois, meu filho morava aqui. Inclusive, era componente da fanfarra de uma escola municipal. Conseguimos o translado pelo valor de R$ 3, 5 mil, mas até o momento só conseguimos arrecadar metade desse valor. Atualmente o corpo dele está em uma funerária, congelado e, deve passar por embalsamento para seguir até Iranduba. Precisamos de ajuda para completar esse valor e qualquer doação é bem vinda", explicou a mãe.

    Quem quiser ajudar a família de Estevão, pode entrar em contato por meio dos números: (92) 99479-0297, 99241-9149 e 99128-8446.