Fonte: OpenWeather

    Fogo


    Seis ocorrências de incêndio em Manaus nessa quinta-feira (30)

    Seis incêndios ocorreram em vegetações em Manaus sendo usados 30,3 mil litros de água para controlar as chamas

    | Foto: Reprodução

    Manaus- Seis ocorrências de incêndio em vegetações em Manaus durante a manhã e noite desta quinta-feira(30). O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) atuaram nesses casos que  ocorreram nos bairros Zumbi dos Palmares, Colônia Terra Nova, Tarumã, Flores, Santo Agostinho e São Raimundo. Mais de 30,3 mil litros de água foram utilizados para o controle das chamas.

    Na zona oeste, na avenida Padre Agostinho, Porto do São Raimundo,  um incêndio foi controlado em um terreno baldio de 20 metros quadrados. No combate, foram utilizados 15 mil litros de água. Na mesma zona, os militares combateram outro incêndio em outro terreno baldio, de 5 metros quadrados, na avenida Chaves, bairro Santo Agostinho. Na ação foram usados 5 mil litros de água para a extinção das chamas.

    Outra ocorrência de incêndio em vegetação foi atendida pelo Corpo de Bombeiros em um terreno baldio no bairro Zumbi, zona leste. Os profissionais conseguiram controlar as chamas antes de estas atingirem as casas de madeira, que ficavam próximas do local. Foram utilizados 5 mil litros de água na ação.

    Na zona norte, os bombeiros combateram um incêndio em vegetação localizada na avenida Arquiteto José Henrique, no bairro Colônia Terra Nova. Para a extinção do fogo, a guarnição gastou, aproximadamente, 2,8 mil litros de água, deixando o local em segurança.

    Dois mil e quinhentos litros de água foram utilizados no combate a um incêndio em vegetação na avenida Torquato Tapajós, bairro Flores, zona centro-sul. Na mesma avenida, mas dessa vez no bairro Tarumã, outro incêndio em um terreno baldio foi controlado pelo Corpo de Bombeiros.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Incêndio destrói área de vegetação no bairro São Raimundo

    Quitinetes pegam fogo e famílias perdem tudo no São Jorge

    'Salvei a bíblia e alguns documentos', diz haitiana vítima de incêndio