Fonte: OpenWeather

    Política


    Ex-governador do Amazonas, José Lindoso completaria 100 anos

    José Bernardino Lindoso ocupou também os cargos de deputado federal e senador

    | Foto: Up Comunicação

    Manaus- Ex-governador do Amazonas, José Bernardino Lindoso, completaria 100 anos, nesta sexta-feira (21), se estivesse vivo. O político permanece como um dos principais nomes na história do Estado, tendo ocupado também os cargos de deputado federal e senador.

    Lindoso nasceu em Manicoré, distante 332 quilômetros de Manaus, filho de Zacarias Afonso Lindoso e de Zenóbia Pereira Lindoso. Era casado com Amine Daou Lindoso, com quem teve sete filhos. Faleceu em Brasília, no dia 25 de janeiro de 1993.

    Em homenagem à data, será celebrada, nesta sexta-feira (21), às 19h, uma missa na Igreja Nossa Senhora de Nazaré, onde o ex-governador se casou com Amine, em dezembro de 1948. A família tem orgulho do legado deixado para o Amazonas através de sua atividade política, educacional e jurídica.

    Advogado e professor, Lindoso teve uma ampla atuação na academia. Em 1954, obteve o título de doutor em direito pela Faculdade de Direito do Amazonas, onde assumiu interinamente no ano seguinte a cátedra de Direito Civil, tornando-se em 1958 livre-docente de Economia Política. Também lecionou na Universidade de Brasília (UnB).

    Lindoso iniciou a vida política em 1962, elegendo-se primeiro suplente de deputado federal na legenda da coligação formada pela União Democrática Nacional (UDN) e o Partido Social Democrático (PSD). Em 1966, se elegeu deputado federal e foi membro efetivo das comissões de Constituição e Justiça e de Serviço Público e suplente da Comissão de Valorização Econômica da Câmara dos Deputados.

    Antes da Constituição de 1988, Lindoso se candidatou à deputado federal e sua campanha consistiu, fundamentalmente, na publicação do livro Estado, Constituinte e Constituição, pela editora Saraiva, no qual explicava, de maneira acessível, o que era a Constituição e o que representava ser deputado constituinte.

    Leia mais:

    'Café com PET' estimula debate social virtual por meio da literatura

    Enquanto esquerda começa a se unir, direita segue dividida em Manaus

    'Quero mostrar minha capacidade de governar Manaus', diz Alberto Neto