Fonte: OpenWeather

    Desabafo


    PM faz discurso emocionante após atender ocorrência de homicídio no AM

    "No momento que o tráfico pega, acabou", disse o tenente em um dos trechos do desabafo

    O Tenente Abraão atua na 20ª Cicom
    O Tenente Abraão atua na 20ª Cicom | Foto: Reprodução

    Manaus - "Se a polícia pega, a mãe ainda tem um filho. Mas quando o tráfico pega, acabou", enfatizou o Tenente Abraão, em desabafo, durante operação da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), neste domingo (30). Ele coordenava a equipe da PM que foi chamada para a rua Chuveirinho, bairro Tarumã, zona Oeste, onde um homem de 38 anos foi morto na frente do filho de oito anos. 

    Quando o Instituto Médico Legal (IML) iniciou a retirada do corpo da vítima, a família do morto e populares continuaram ao redor, assistindo à cena. Tocado, o Policial Militar foi até a frente dos enlutados e falou a todos. 

    "Quando a polícia pega [um suspeito de crime], todo mundo reclama, 'ah, porque bateu no meu irmão'. Mas no dia que a polícia pega, dá 'uns pescoção', joga na viatura, uma mãe [ainda] tem filho. No momento que o tráfico pega, acabou", disse o Tenente Abraão, aos presentes.

    Enquanto falava, todos passaram a dar atenção a ele. Ao seu lado, ouvia atentamente o irmão do homem assassinado. Ele preferiu não se identificar para esta matéria. De cabeça baixa, olhos assustados, concordava com as falas do Policial Militar.

    "A gente tem um preço a pagar [quando entra no tráfico]. Um rapaz jovem e as crianças ficaram órfãs, porque ele estava tentando sair, mas não conseguiu. Não sai. Então você, antes de entrar nessa vida, pense duas ou três vezes", falou ainda o agente de segurança.

    Capa do Vídeo
    | Autor:
     

    Durante a sua conversa com os populares, atrás dele, o IML terminava a perícia do local do crime. A chuva fraca de domingo molhava a todos, os policiais, populares, parentes do morto e o corpo da vítima. 

    Acesse o link e entenda o caso

    Homem é morto a tiros enquanto brincava com filho de oito anos

    Leia mais

    Briga entre irmãos deixa os dois esfaqueados no Bairro Cidade de Deus