Boletim diário


Três pessoas em Manaus morreram por Covid-19 entre sexta e sábado

Amazonas já acumula mais de 3,8 mil mortes desde início da pandemia

Dados são confirmados pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amzonas (FVS-AM)
Dados são confirmados pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amzonas (FVS-AM) | Foto: Divulgação/Semulsp

Manaus - Segundo o boletim epidemiológico da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), três pessoas em Manaus morreram por conta do novo coronavírus entre a sexta-feira (11) e o sábado (12). Com isso, o Amazonas acumula 3.888 mortes desde o início da pandemia. 

O boletim confirma também a recuperação de mais 437 amazonenses nas últimas 24 horas, chegando a 107.701 o número de pessoas recuperadas da Covid-19 no estado. Esta quantidade representa 84% dos casos confirmados da doença.

Nesta edição do boletim, foram confirmados mais 516 casos da doença no Amazonas, sendo 471 detectados por testes rápidos - que identificam os anticorpos - com data de início dos sintomas entre oito e 60 dias ou mais das primeiras manifestações da Covid-19. Outros 45 foram detectados por RT-PCR, que aponta casos novos que estão entre o 3º e 6º dias da doença.

Deste total de RT-PCR, 3 são no interior do estado e 42 na capital.

Em Manaus, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, na sexta (11) foram registrados 37 sepultamentos e seis óbitos em domicílio. O boletim acrescenta ainda que 15.350 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas, o que corresponde a 12% dos casos confirmados ativos.

Nesta edição do boletim, 23 municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados. São eles: Alvarães, Amaturá, Anori, Apuí, Atalaia do Norte, Barcelos, Canutama, Carauari, Careiro da Várzea, Codajás, Humaitá, Juruá, Jutaí, Manacapuru, Maués, Nhamundá, Novo Aripuanã, Santa Isabel do Rio Negro, Santo Antônio do Içá, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença, Tapauá e Uarini.

Casos no AM

Dos 126.939 casos confirmados no Amazonas até o sábado (12), 45.327 são de Manaus (35,71%) e 81.612 do interior do estado (64,29%). Além da capital, os 61 municípios têm casos confirmados: Coari (6.990); Parintins (4.392); São Gabriel da Cachoeira (4.153); Manacapuru (3.838); Tefé (3.527); Humaitá (3.107); Barcelos (2.560); Lábrea (2.611); Itacoatiara (2.077); Eirunepé (2.159); Santa Isabel do Rio Negro (2.087); Presidente Figueiredo (2.046); Iranduba (1.872); Tabatinga (1.814); Ipixuna (1.744); Benjamin Constant (1.545); São Paulo de Olivença (1.582); Maués (1.461); Manicoré (1.388); Rio Preto da Eva (1.385); Careiro (1.376); Pauini (1.301); Autazes (1.281); Boca do Acre (1.237); Santo Antônio do Içá (1.219); Alvarães (1.209); Carauari (1.181); Urucurituba (972); Tapauá (969); Atalaia do Norte (944); Barreirinha (940); Guajará (921); Nova Olinda do Norte (893); Fonte Boa (799); Itapiranga (797); Nhamundá (761); Anori (760); Anamã (738); Beruri (733); Borba (708); Novo Aripuanã (686); Uarini (679); Amaturá (675); Urucará (644); São Sebastião do Uatumã (602); Tonantins (612); Itamarati (567); Juruá (510); Maraã (492); Manaquiri (471); Japurá (440); Novo Airão (418);  Canutama (382); Jutaí (369); Envira (373); Silves (348); Boa Vista do Ramos (333); Caapiranga (297); Apuí (208); Codajás (247) e Careiro da Várzea (182).

Mortes

Entre pacientes em Manaus, há o registro de 2.427 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior, são 58 municípios com óbitos confirmados até o momento, totalizando 1.461. A lista inclui Manacapuru (153); Parintins (120); Coari (105); Tefé (85); Tabatinga (79); Humaitá (74); Itacoatiara (66); Iranduba (56); São Gabriel da Cachoeira (54); Benjamin Constant (38); Autazes (36); Lábrea (36); Maués (33); Manicoré (33); Presidente Figueiredo (25); Barcelos (25); São Paulo de Olivença (25); Nova Olinda do Norte (24); Santo Antônio do Içá (24); Borba (22);  Rio Preto da Eva (19); Fonte Boa (19); Manaquiri (19); Careiro (17); Jutaí (16); Santa Isabel do Rio Negro (16); Tonantins (15); Guajará (14); Alvarães (13); Nhamundá (13); Barreirinha (12); Novo Aripuanã (12); Boca do Acre (12); Anori (11); Carauari (11); Uarini (11); Eirunepé (10); Beruri (10);  Amaturá (9); Juruá (7); Novo Airão (7); Caapiranga (7); Urucará (7); Itamarati (6); Itapiranga (6); São Sebastião do Uatumã (6); Tapauá (5); Silves (5); Ipixuna (5);  Careiro da Várzea (4); Pauini (4); Atalaia do Norte (4); Urucurituba (4); Maraã (4); Codajás (4); Boa Vista do Ramos (2); Japurá (1) e Envira (1). Permanecem sem óbitos registrados: Anamã, Apuí e Canutama. 

*Com informações da assessoria 

Leia mais:

Pai suspeito de matar estuprador de filha é solto no Amazonas

Arthur Bisneto é internado em São Paulo após complicações da Covid-19

Ex-prefeito de Iranduba, Nonato Lopes, morre por Covid-19 aos 71 anos