Fonte: OpenWeather

    Fiscalização


    Fiscalização fecha 21 estabelecimentos e festas clandestinas em Manaus

    Além de fechar estabelecimentos, condutores de veículos foram notificados e um carro irregular foi removido

    Festas clandestinas acabaram após a chegada da fiscalização
    Festas clandestinas acabaram após a chegada da fiscalização | Foto: Divulgação/SSP-AM

    Manaus – Na noite desta sexta-feira (23) e deste sábado (24), a Central Integrada de Fiscalização (CIF) fechou duas festas clandestinas e inspecionou 33 estabelecimentos, sendo fechados 21 locais por descumprimento das medidas de prevenção à Covid-19 decretadas pelo governo.

    Cinco estabelecimentos foram notificados pelos agentes do Departamento de Vigilância Sanitária da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) e devem pagar multa pelo descumprimento de medidas sanitárias e de distanciamento social. 

    Durante as fiscalizações nos bares, no sábado, o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) notificou oito veículos e removeu um carro irregular.

    A CIF contou com um efetivo de 125 agentes das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Detran-AM, FVS-AM, Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu), Casa Militar, entre outros.

    De acordo com o coordenador da CIF neste sábado, o capitão da Polícia Militar, Renan Libório, no decorrer das fiscalizações nos bares, os agentes receberam denúncia informando sobre três festas clandestinas. 

    Um dos eventos, em uma chácara no bairro Tarumã, zona Oeste, foi fechado. Aproximadamente 700 pessoas foram revistadas. Outro evento, no mesmo bairro, contava com cerca de 300 pessoas e também foi encerrado.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Idam notifica aprovados em concurso para apresentação de documentos

    Governo do AM investe R$21 mi em infraestrutura na calha do rio Purus