Comemoração ilegal


Festa clandestina é interrompida por fiscalização no Tarumã

Na ocasião, foram apreendidos equipamentos de som e bebidas alcoólicas

 

Segundo a SSP, mais de 200 pessoas estavam presentes na irregularidade
Segundo a SSP, mais de 200 pessoas estavam presentes na irregularidade | Foto: Carlos Soares / SSP-AM

Manaus - Uma festa clandestina que acontecia na madrugada deste sábado (7), no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus foi interrompida pelas equipes da Central Integrada de Fiscalização (CIF), coordenada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). Além da comemoração ilegal, outros três locais foram interditados e seis fechados na capital amazonense

De acordo com o major Marco Antônio Gama, que coordenou uma equipe da operação, na festa clandestina, aproximadamente 200 pessoas foram encontradas em um sítio, no ramal da Anaconda.

“Nós chegamos, eles trancaram o portão pra gente não fazer a fiscalização e foram constatados o descumprimento do decreto governamental, aglomeração de pessoas, a presença de menores de idade, entre outras irregularidades”, disse o major.

Na ocasião, foram apreendidos equipamentos de som e bebidas alcoólicas. E os adolescentes, presentes na festa, foram encaminhados à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai) para serem ouvidos.

A CIF conta com um efetivo das Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu), Casa Militar, Marinha, entre outros.

*Com informações da assessoria 

Leia mais:

Mais de 30 estabelecimentos são fechados neste final de semana no AM

Policiais encerram festa com aglomeração na Zona Centro-Sul de Manaus

Festas clandestinas são fechadas durante fim de semana em Manaus