Fonte: OpenWeather

    Perda


    Morre aos 51 anos advogado e professor Francisco Calheiros

    O professor estava internado desde 9 de novembro para tratamento da Covid-19

    Professor era co-fundador da Academia Itacoatiarense de Letras
    Professor era co-fundador da Academia Itacoatiarense de Letras | Foto: Reprodução

    Manaus - O advogado e professor Francisco Calheiros, de 51 anos, morreu na noite dessa quarta-feira (26), por complicações decorrentes da Covid-19. Ele foi internado no dia 9 de novembro em um hospital de Manaus para o tratamento da doença.

    Calheiros era advogado da família de Isadora Thury, de 2 anos, que conseguiu na Justiça que a União destinasse R$ 9,5 milhões para a compra de um remédio de alto custo para o tratamento de uma atrofia muscular espinhal.

    O advogado era natural de Itacoatiara, no interior do Amazonas, onde foi co-fundador da Academia Itacoatiarense de Letras.

    De acordo com nota divulgada pela família, após ser internado, o quadro de saúde dele piorou, precisando ser entubado.

    "A família Calheiros agradece a todos que estiveram conosco em oração pela vida da grande personalidade que sempre foi o famoso Professor Calheiros, que há anos sempre nos encantou com o seu brilhante jeito de ensinar", publicou seu filho Pedro, em nome da família.

    O corpo será levado para Itacoatiara na manhã desta quinta-feira (26), onde ele será enterrado. Ele deixa mulher e quatro filhos.

    *Com informações do G1

    Veja mais:

    Alunos do ensino médio aprendem sobre empreendedorismo acadêmico

    Candidatos infectados por covid-19 terão nova chance de fazer Enem

    Cresce total de negros em universidades, mas acesso é desigual