Fonte: OpenWeather

    Reivindicações


    Ainda sem 13º, rodoviários entram no 3º dia de paralisação em Manaus

    Global Green, Via Verde e Viação São Pedro mantiveram 30% da frota parada, na manhã desta quarta-feira (23). Sindicato dos Rodoviários alerta que pode acontecer novo ato no final da tarde

    As  empresas Global Green, Via Verde e Viação São Pedro aderiram a manifestação
    As empresas Global Green, Via Verde e Viação São Pedro aderiram a manifestação | Foto: Divulgação

    Manaus - A dois dias do Natal, centenas de trabalhadores rodoviários ainda vivem incertas, principalmente sobre o pagamento da segunda parcela do 13º salário. E sem demonstrar confiança nos empresários, por eles não cumprirem os prazos estabelecidos, a categoria entrou no terceiro dia de paralisação parcial, em Manaus. 

    Na manhã desta quarta-feira (23), das 5h às 7h, as empresas Global Green, Via Verde e Viação São Pedro aderiram a manifestação e mantiveram 30% da frota parada. 

    O presidente em exercício do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus (STTRM) falou sobre a luta dos trabalhadores que já dura mais de uma semana.  

    "A categoria só quer os seus direitos e não vai desistir. No caso da Global Green, a empresa ainda não pagou o adiantamento salário do mês aos rodoviários. Estamos cumprindo a liminar da Justiça, mas os empresários não cumprem com a palavra. Se nada for pago até o final da tarde de hoje (quarta), vamos recolher os carros para suas garagens novamente", alertou. 

    Sinetram se limita 

    Procurada pela reportagem, a assessoria do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram) se limitou em responder os questionamentos sobre o repasse dos pagamentos aos rodoviários. 

    A entidade apenas informou por meio de nota que tomou todas as providências jurídicas cabíveis para evitar uma greve nesta quarta-feira, em Manaus, tendo sido atendido pelo Tribunal Regional do Trabalho no sentido de se manter o mínimo de 70% das operações de cada empresa conforme liminar expedida no dia 16 de dezembro deste ano. 

    O Sinetram destaca está mantendo diálogo com o Sindicato dos Rodoviários para que os serviços de transporte coletivo sejam mantidos para a população.

    Leia mais 

    Sem 13º, rodoviários ameaçam paralisação geral para a próxima segunda

    Rodoviários de 3 empresas realizam nova paralisação parcial em Manaus

    Greve geral: rodoviários dão prazo de 24h para empresários de Manaus