Fonte: OpenWeather

    Covid-19


    Amazonas recebe sete usinas oxigênio enviadas pelo Ministério da Saúde

    Material foi requisitado pelo Governo Federal para apoiar ações de enfrentamento da pandemia no estado. Juntas, elas atenderão 100 leitos de UTI

    Além das sete usinas doadas pelo Ministério da Saúde, está prevista ainda para este domingo a chegada de outras cinco estruturas doadas pelo Sírio Libanês | Foto: Divulgação

    Manaus (AM) - O Governo Federal enviou, no último domingo (17), sete usinas geradoras de oxigênio hospitalar ao estado do Amazonas. O material vai atender unidades de saúde de Manaus e cidades do interior. Os equipamentos partiram dos aeroportos do Galeão (RJ) e Campinas (SP). As usinas foram requisitadas pelo Ministério da Saúde para apoiar o sistema de saúde do estado diante do recrudescimento da curva epidemiológica da Covid-19 na região.

    Desde a semana passada, o estado enfrenta colapso no sistema de saúde por falta de oxigênio em hospitais de Manaus, que estão lotados por conta do aumento recorde de internações por Covid-19. Com o caos na Saúde, pacientes começaram a ser levados a outros estados. Até o momento já foram transferidos 94 pacientes para outros estados.

    Conforme informações ao EM TEMPO, as duas usinas vão abastecer a enfermaria de campanha do Hospital Delphina Aziz. Três usinas vão atender os hospitais Platão Araújo, Francisca Mendes e Instituto de Saúde da Criança do Amazonas (Icam). Outras duas usinas restantes serão destinadas a outros hospitais a serem definidos. As estruturas foram transportadas do Rio de Janeiro (RJ) para Manaus, por meio de uma aeronave da companhia Azul Linhas Aéreas. O pouso na capital ocorreu por volta das 14h45.

    Chegaram a Manaus cinco unidades que produzem 13 m³ por hora, uma unidade que produz 17 m³ por hora e uma unidade de 22 m³ por hora. Assim que colocadas para funcionamento, as usinas têm capacidade para geração de oxigênio a 100 leitos de UTI.

    Além das sete usinas doadas pelo Ministério da Saúde, está prevista ainda para este domingo a chegada de outras cinco estruturas doadas pelo Sírio Libanês. O carregamento vem de Campinas (SP) e será destinado pelo Governo do Amazonas às maiores unidades do interior.

    *Com informações da assessoria