Fonte: OpenWeather

    Covid-19


    Guerreiros invisíveis que contribuem no combate à Covid-19

    Tão importante quanto médicos e enfermeiros, profissionais da limpeza fazem faxina em hospitais de Manaus

    Profissionais da limpeza também estão na linha de frente contra a Covid-19 | Foto: Brayan Riker

    Manaus (AM) - Com a pandemia do novo coronavírus, os hospitais de Manaus se tornaram verdadeiros campos de batalha. Na luta contra o vírus que já levou mais de 8,5 mil vidas somente no Amazonas, médicos e enfermeiros se tornaram heróis públicos por salvarem tantas pessoas. Porém, na linha de frente, também está um grupo que se empenha longe dos holofotes: os profissionais da limpeza hospitalar, que vêm trabalhando arduamente para reduzir os perigos de contágio dentro das unidades de saúde e que muitas vezes se tornam 'invisíveis'.

    Erica Natália é profissional da limpeza no maior hospital da rede pública de saúde de Manaus, o 28 de Agosto. “Comecei a trabalhar aqui há pouco tempo, mas ainda não fui vacinada. Sei que nosso gestor já encaminhou o pedido para que nós sejamos em breve”, afirma.

    Outra funcionária da área da limpeza, que não quis se identificar, disse que “as condições de trabalho estão melhores.  Só estamos à espera da vacina agora”, revela.

    A higienização de ambientes, superfícies e objetos para evitar a propagação do coronavírus é uma orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS). O cuidado é ainda maior nos hospitais, onde profissionais estão em contato com pessoas doentes e materiais contaminados são descartados a todo instante. Quem atua na limpeza hospitalar está garantindo, na medida do possível, uma segurança maior para os que estão tratando e os que estão sendo tratados.

    Vacinação

    A prefeitura de Manaus informou que a vacinação de profissionais da saúde em Manaus, que começou na última segunda-feira (1) , inclui trabalhadores da assistência direta a pacientes com Covid-19 e que se enquadram nos três primeiros níveis de prioridade. São onze grupos de profissionais contemplados nessa primeira lista: profissionais de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), Semi Intensiva ou de Cuidados Intensivos e Sala de Emergência (nível 1); das Salas Rosa em Pronto Atendimento (nível 2); e dos serviços de remoção aérea, terrestre ou fluvial de pacientes com Covid-19 (nível 3).

    No documento não ficou claro quais profissionais estão sendo vacinados. Os dados mais específicos estão no portal http://vacinometro.manaus.am.gov.br.  Enquanto isso a luta contra a Covid-19 continua nos hospitais por médicos, enfermeiros e também, os profissionais terceirizados

    Desde o dia 24 de janeiro, a prefeitura de Manaus, em atendimento à decisão emanada pela 1.ª Vara Federal Cível da Seção Judiciária do Amazonas, tornou público a consulta da lista de vacinados. A lista pode ser encontrada no link https://semsa.manaus.am.gov.br/noticia/lista-de-vacinados/. Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde disse que os profissionais da limpeza já estão sendo vacinados. Segundo o vacinômetro (portal de vacinação sobre os profissionais que estão sendo vacinados em Manaus) até o fechamento dessa matéria, 592 profissionais da limpeza foram vacinados.

    Leia Mais

    ‘Rumo à normalidade', diz Wilson ao anunciar mais 100 mil vacinas

    Interior do AM recebe cilindros de oxigênio, insumos e medicamentos