Fonte: OpenWeather

    Saúde


    Manaus inicia vacinação da segunda dose contra a Covid-19

    O agendamento está sendo feito pela internet e a consulta já está disponível no Imuniza Manaus

    A medida visa organizar o fluxo de atendimento e assegurar a vacinação dentro dos prazos estabelecidos pelo fabricante das duas vacinas | Foto: Valdo Leão / Semcom

    Manaus (AM) - A Prefeitura de Manaus deu início à aplicação da segunda dose da vacina contra a Covid-19 em trabalhadores da saúde e pessoas idosas que já receberam a primeira dose. Esse grupo terá o reforço aplicado em dias, horários e locais agendados. A medida visa organizar o fluxo de atendimento e assegurar a vacinação dentro dos prazos estabelecidos pelo fabricante das duas vacinas em uso na capital, CoronaVac e AstraZeneca.

    O agendamento está sendo feito pela internet e a consulta já está disponível no Imuniza Manaus, por meio do endereço eletrônico https://imuniza.manaus.am.gov.br/

    “É mais uma estratégia para garantir organização, transparência e segurança à nossa campanha de imunização, que já colocou o Amazonas em primeiro lugar no número proporcional de pessoas vacinadas até agora”, observou o prefeito David Almeida, salientando que a gestão municipal tem tomado todas as medidas possíveis para acelerar a vacinação dos grupos prioritários e ajudar a reduzir os adoecimentos e mortes no atual cenário da pandemia.

    De acordo com a secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, a segunda dose é necessária para completar o esquema vacinal contra a Covid-19 e apenas depois dela a imunidade pode ser conferida.

    A secretária explica que a consulta para a agenda da segunda dose está aberta no sistema e que o agendamento está sendo feito de forma gradativa.

    “Iniciamos apenas com os vacinados nos dois primeiros dias da campanha, para analisarmos os resultados e fazermos os ajustes no sistema e agora ampliamos para todos”, salientou a secretária Shadia Fraxe.

    Ela orienta que os usuários sigam as instruções do agendamento e compareçam ao ponto de vacinação indicado, de acordo com o dia e hora agendados.

    CoronaVac e AstraZeneca

    As pessoas que receberam, na primeira dose, o imunizante CoronaVac, produzido pela Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, receberão a segunda dose até 28 dias após a primeira, conforme instrução do laboratório.

    Os que receberam a vacina do laboratório AstraZeneca, desenvolvida pela Universidade de Oxford e distribuída no Brasil pela Fiocruz, terão a segunda dose administrada em até 12 semanas após a primeira, também observando as instruções técnicas do fabricante para garantia da eficácia do imunizante.

    Passos

    Ao acessar o Imuniza Manaus, o usuário deve entrar no item “Consultar 2ª Dose” e informar os dados pessoais solicitados.

    Se o agendamento já estiver concluído, o sistema vai exibir o dia, a hora e o local em que a vacina vai estar disponível.

    Caso o agendamento ainda esteja sendo processado, o usuário será orientado a aguardar e a realizar uma nova consulta.

    Os que não comparecerem para receber a segunda dose de acordo com as informações da Semsa, devem aguardar um novo agendamento.

    “Não é possível fazer os atendimentos fora da agenda, porque trabalhamos com a quantidade de segundas doses reservadas para cada dia e local, por isso a pessoa que, por algum motivo, não puder comparecer, precisa esperar a nova data”, explica Shádia.

    A secretária também alerta que a segunda dose não poderá ser aplicada se o usuário estiver com sintomas gripais ou com qualquer doença na fase aguda.

    “Nessas condições, por segurança, a pessoa não deve ir ao posto de vacinação, devendo aguardar que o sistema faça automaticamente o reagendamento”.

    As segundas doses estão sendo aplicadas em um dos nove postos de vacinação montados pela Prefeitura de Manaus para a campanha de imunização.

    O atendimento é feito com um fluxo diferente daquele destinado à primeira dose e segue, em pontos fixos, a sequência dos horários agendados.

    “Assim, pretendemos evitar aglomerações e reduzir o tempo de permanência desse público específico nos locais onde a vacina é oferecida”, ressalta Shádia, informando que os resultados das estratégias utilizadas na campanha municipal são avaliados diariamente e, quando, necessário, são promovidas mudanças para melhor atender a população.

    Públicos

    Na fase atual da campanha, estão sendo vacinados os trabalhadores da saúde dos grupos de prioridade de 1 a 5, conforme definido pelas secretarias de Saúde do município (Semsa Manaus) e do Estado (SES-AM) na Nota Informativa nº 5 da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM).

    Também seguem sendo imunizados os idosos com 70 anos ou mais. A vacinação ocorre no modelo drive-thru e ponto fixo. Além desses, os idosos acamados, na mesma faixa etária, estão sendo vacinados em domicílio.

    A Prefeitura de Manaus iniciou a campanha de vacinação contra a Covid-19 no dia 19 de janeiro e, de acordo com o vacinômetro (https://vacinometro.manaus.am.gov.br/view/), onde são exibidos os registros de vacinação, até a manhã desta quarta-feira, 10/2, mais de 86 mil pessoas haviam sido vacinadas, sendo que os idosos representam a maior parcela, com mais de 45 mil pessoas imunizadas com a primeira dose.

    *Com informações da assessoria