Fonte: OpenWeather

    Imunização


    Prefeitura de Manaus faz busca ativa de idosos ainda não vacinados

    Idosos residentes na região serão visitados por agentes comunitários da Secretaria Municipal de Saúde

     

    | Foto: Divulgação/Semcom

    Manaus - Com o objetivo de alcançar os idosos de 70 anos ou mais ainda não vacinados contra a Covid-19, a Prefeitura de Manaus vai realizar neste sábado (20), uma grande mobilização de busca ativa na zona Sul da capital.

    Idosos residentes na região serão visitados por agentes comunitários da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e orientados a receber a vacina em um dos 12 postos montados em unidades básicas, policlínicas e clínicas da família vinculadas ao Distrito de Saúde Sul.

    “Estamos mobilizando uma grande equipe de vacinadores, registradores, técnicos e pessoal de apoio para levar a vacina mais perto daquele idoso que, por algum, motivo, ainda não conseguiu ir até um dos postos de vacinação e que precisa ser imunizado para estar protegido contra o novo coronavírus”, informou o prefeito David Almeida. De acordo com ele, a ação tem o objetivo de acelerar o fechamento da etapa atual da campanha municipal de imunização contra a Covid-19, que se encontra na fase de encerramento e já vacinou mais de 110 mil pessoas na capital.

     

    | Foto: Divulgação/Semcom

    David Almeida salientou que a nova estratégia foi definida levando em conta o movimento nos postos de vacinação, a hipótese de dificuldade de deslocamento dos idosos ainda não vacinados e o quantitativo dos que têm acima de 70 anos e ainda precisam receber a primeira dose de acordo com as metas de imunização.

      “Com isso, vamos ampliar a capacidade de atendimento em todas as zonas geográficas da cidade, ao longo da próxima semana, otimizando os recursos envolvidos na vacinação e tornando mais ágil e efetivo o atendimento aos idosos remanescentes”.

    De acordo com a Semsa, a meta é vacinar, nesta etapa, 90% da população idosa de 70 anos ou mais, o que representa 62,9 mil pessoas. Dessas, 57,5 mil já foram vacinadas desde o início da campanha para esse grupo prioritário, no dia 29 de janeiro. “Temos agora o desafio de vacinar a população restante, que soma aproximadamente 5 mil pessoas”, observa a secretária municipal de Saúde em exercício, Aline Rosa Martins.

     

    | Foto: Divulgação/Semcom

    Unidades 

    Os 12 pontos de vacinação definidos para a zona Sul irão funcionar neste sábado e na próxima segunda-feira, das 9h às 16h. Para receber a vacina, o idoso deve ter 70 anos completos ou mais e apresentar documento de identidade original com foto, além do CPF. Só não devem ser vacinados aqueles que estiverem com sintomas gripais e ou com qualquer outra doença na fase aguda. A orientação é de que aguardem a plena recuperação e, nos casos de suspeita ou confirmação de Covid-19, só sejam vacinados 30 dias após o início dos sintomas.

    A estratégia tem início na zona Sul, onde a busca ativa será realizada neste sábado e na próxima segunda-feira (22), no entanto, as outras regiões serão contempladas em um calendário que segue até o dia 1º de março. Nas próximas terça e quarta-feira, dias 23 e 24 de fevereiro, a ação estará concentrada nos bairros da zona Leste; na quinta e sexta-feira, dias 25 e 26, na zona Oeste; no sábado, dia 27; e na segunda, 1° de março, na zona Norte.

     

    | Foto: Divulgação/Semcom

    Além dos idosos que serão incentivados a buscar um posto de atendimento próximo de casa para se vacinar, a Semsa segue com a equipe de vacinadores levando a vacina aos acamados da mesma faixa etária.

    Postos tradicionais 

    Aline Martins informa que a nova estratégia de busca ativa concentrada em zonas geográficas da cidade altera parte da programação de atendimento tradicional. Dos nove postos, quatro continuarão funcionando de segunda a sábado, das 9h às 16h, sendo um por zona, (Centro Cultural Povos da Amazônia, na zona Sul; Clube do Trabalhador Sesi, na zona Leste; Complexo do Detran, na zona Norte; e Balneário do Sesc, na zona Oeste.

    “Nestes, continuam a ser atendidos os idosos e  os trabalhadores da saúde, para primeira e segunda dose, e os outros postos deixam de funcionar temporariamente para que os recursos humanos e materiais possam ser deslocados para os bairros, facilitando a adesão dos idosos à campanha”, orienta a secretária.

    Postos de Vacinação abertos neste sábado para vacinação exclusiva de idosos

    Horário - 9h às 16h

    UBS Nilton Lins – Avenida Professor Nilton Lins, nº 2.344 - Flores

    Policlínica Castelo Branco – Rua do Comércio, s/nº - Parque 10

    UBS Vicente Palocci – Avenida Apurinã, nº 259 – Praça 14 de Janeiro

    UBS Santa Luzia – Rua Leopoldo Neves, s/nº - Santa Luzia

    UBS Lúcio Flávio Vasconcelos Dias – Travessa Comandante Ferraz, nº 15 - Betânia 

    Clínica da Família Doutor Antônio Reis – Rua São Lázaro, s/nº - São Lázaro

    UBS Frank Calderon – Rua Boa Esperança, s/nº - Crespo

    UBS São Francisco – Rua Rodolfo Vale, s/nº - São Francisco

    UBS Petrópolis – Rua Delfim de Souza, s/nº - Petrópolis

    UBS Japiim – Travessa Sauim, nº 70, Conjunto 31 de Março - Japiim

    UBS Megumo Kado – Rua Inocêncio Araújo, nº 51 - Educandos

    Clube de Mães do Morro da Liberdade, próximo à UBS – Rua D. Mimi, s/nº - Morro da Liberdade

    Postos de Vacinação abertos de segunda a sábado para idosos e trabalhadores da saúde

    Horário - 9h às 16h

    Zona Norte

    Complexo de Treinamento de Direção Veicular do Detran – AM

    Avenida Arquiteto José Henriques Rodrigues, 962 - Colônia Terra Nova.

    Zona Sul

    Centro Cultural dos Povos da Amazônia

    Avenida Silves, 2.222- Crespo

    Zona Leste

    SESI – Clube do Trabalhador

    Avenida Cosme Ferreira, 7.399 - São José I

    Zona Oeste

    Balneário do Sesc

    Avenida Constantinopla, 288 - Alvorada

     Leia mais:

    6,5 mil trabalhadores da saúde receberam 2ª dose da vacina em Manaus

    Comissão de Fiscalização esclarece condições de vacinação em Manaus

    Mais de 6 mil trabalhadores da saúde já receberam a 2º dose da vacina