Fonte: OpenWeather

    Tubulação


    Prefeitura atende moradores após rompimento de tubulação de esgoto

    Além da comunidade Fazendinha, foram registradas outras dez ocorrências pela Central de Emergência 199

     

    Uma equipe da empresa Amazonas Energia foi acionada para fazer o desligamento da rede elétrica
    Uma equipe da empresa Amazonas Energia foi acionada para fazer o desligamento da rede elétrica | Foto: Divulgação/ Semcom

    Manaus - A Prefeitura de Manaus, por meio da Casa Militar e da Defesa Civil, atendeu nesta quinta-feira (25), pela manhã, moradores da rua Gaviões, na comunidade Fazendinha, bairro cidade de Deus, zona Norte, devido ao rompimento de uma tubulação de esgoto que, além de comprometer a via com uma erosão, levou lama para boa parte dos imóveis.     

    “A equipe da Defesa Civil prontamente atendeu a ocorrência e acionamos as demais secretarias, para evitar que a situação se agravasse e as famílias fossem afetadas ainda mais. Aproximadamente 30 famílias moram nesta rua e tiveram a frente das casas invadidas por lama, mas já estamos trabalhando em conjunto para limpar o local e fazer as obras de reparo. É uma preocupação do prefeito David Almeida, que o trabalho seja feito o mais rápido possível, para não prejudicar os moradores”, informou o secretário da Casa Militar, tenente William Dias.

    Uma equipe da empresa Amazonas Energia foi acionada para fazer o desligamento da rede elétrica, para que os trabalhos fossem realizados em segurança.

    As casas da rua Gaviões também foram inspecionadas e conforme a avaliação da equipe da Defesa Civil, não apresentam riscos aos moradores. Equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), também foram deslocadas para realizar a troca da tubulação da via, efetuar o serviço de drenagem da rede e demais reparos.

    Outras ocorrências

    Além da comunidade Fazendinha, foram registradas outras dez ocorrências pela Central de Emergência 199, da Defesa Civil, dentre elas: risco de desabamento, deslizamento de barranco, rachaduras e crateras, em várias zonas da cidade. Conforme os dados pluviométricos da Defesa Civil, nesta quinta-feira o nível de chuva chegou a 32,2 milímetros.

    *Com informações da assessoria