Fonte: OpenWeather

    VACINAÇÃO


    Vacinação em idosos de 69 anos começa segunda-feira (1), em Manaus

    Ao longo da semana, prefeitura pretende vacinar também idosos de 65 a 68 anos. Confira o calendário na matéria

    Vacinação será para idosos de 65 a 69 anos, ao longo da semana | Foto: Valdo Leão / Semcom

    Manaus - A Prefeitura de Manaus inicia na próxima semana a imunização dos grupos prioritários, que inclui idosos de 65 a 69 anos de idade, contra o novo coronavírus, conforme previsto no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19. Já na segunda-feira (1), as primeiras pessoas que vão receber a vacina serão as de 69 anos, de acordo com o calendário de atendimento organizado em ordem decrescente, ou seja, em cada dia da semana, um grupo por idade vai ser vacinado.

    “Nosso plano de imunização está sendo cumprido com muita agilidade, conforme as doses vão chegando. Nosso objetivo é de vacinar o público-alvo sempre de forma responsável, célere e com transparência, para isso também é fundamental que a população fique atenta ao calendário de vacinação para que tudo seja feito de forma ordeira. É necessário frisar que todos ainda precisamos ter os cuidados de prevenção contra a Covid-19, e o uso de máscara ainda é prioridade”, explicou o prefeito de Manaus, David Almeida.

    O novo lote do imunizante foi recebido, na sexta-feira (26), pela Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM) e estão sendo conferidos e registrados pela Divisão de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). No total, são 64.440 mil doses de vacinas CoronaVac e AstraZeneca que vão ser usadas na campanha de imunização contra a Covid-19 na capital. As doses, destinadas a 100% dos idosos de 65 a 69 anos e a 10,2% dos que têm entre 60 e 64 anos, fazem parte das novas remessas do Ministério da Saúde (MS) para Manaus.

    Também foram entregues 14.500 doses de CoronaVac/Sinovac, distribuída pelo Instituto Butantan, para vacinar com a primeira e a segunda doses 6.905 pessoas de 60 a 64 anos (10% da população dessa faixa etária) e mais 5% para reserva técnica.

    Operacionalização

    Nesta nova etapa da campanha, os idosos serão atendidos por idade, em ordem decrescente, começando pelos que têm 69 anos completos. A chefe da Divisão de Imunização da Semsa, Isabel Hernandes, explica que será destinado um dia para cada idade, completando o período de segunda a sexta-feira. O sábado será reservado para a vacinação dos que não puderam comparecer aos postos durante a semana. As 6,9 mil pessoas do grupo de 60 a 64 anos serão atendidas na semana seguinte, em cronograma a ser divulgado posteriormente.

    “Com as doses recebidas serão contemplados todos os idosos de 65 a 69 anos, além dos 10% dos que têm entre 60 e 64 anos, os 90% restantes dessa faixa etária serão atendidos conforme o envio das novas vacinas pelo Ministério da Saúde”.

    Parte do atendimento aos novos grupos será agendado de modo eletrônico, por meio do Imuniza Manaus. O sistema foi aberto para cadastramento dessa faixa etária na última segunda-feira (22), e vai continuar a receber inscrições. Isabel destaca que a inscrição não é obrigatória, mas os cadastrados terão a oportunidade de ir ao posto de vacinação com data e hora marcadas, reduzindo o tempo de espera e do próprio atendimento, já que seus dados constam no sistema e precisam ser apenas conferidos.

    Como receber a vacina

    Para receber a vacina, o idoso deve apresentar documento de identidade original com foto e CPF, tendo ou não feito o cadastro antecipado pelo sistema eletrônico Imuniza Manaus.

    Não devem ser vacinados os que estiverem com sintomas gripais ou com qualquer doença na fase aguda. Nos casos de Covid-19, suspeitos ou confirmados, o usuário precisa aguardar 30 dias após o início dos sintomas para ser imunizado.

    Segundas doses       

    Além das primeiras doses para o novo grupo, a Semsa segue vacinando os remanescentes dos grupos anteriores e continua com a campanha de segunda dose para os que estiverem prontos para completar o ciclo de imunização, de acordo com o intervalo entre as doses definido pelos laboratórios fabricantes. Mais de 11 mil trabalhadores da saúde já receberam as duas doses da vacina e outros 40 mil estão agendados até o momento para receber a segunda. Os trabalhadores da saúde foram imunizados, predominantemente, com a CoronaVac, que estabelece de 14 a 28 dias para a segunda dose. Já os idosos receberam, de forma prioritária, a AstraZeneca, cujo intervalo entre doses é de 8 a 12 semanas.

    Cronograma de Vacinação 

    Segunda, 1º/3 – Pessoas com 69 anos

    Terça, 2/3 – Pessoas com 68 anos

    Quarta, 3/3 – Pessoas com 67 anos

    Quinta, 4/3 – Pessoas com 66 anos

    Sexta, 5/3 – Pessoas com 65 anos

    Sábado, 6/3 – Pessoas de 65 a 69 que não puderam se vacinar durante a semana

    Postos de Vacinação abertos de segunda a sábado, das 9h às 16h, para idosos e trabalhadores da saúde

    Zona Norte

    Complexo de Treinamento de Direção Veicular do Detran – AM

    Avenida Arquiteto José Henriques Rodrigues, 962 – bairro Colônia Terra Nova

    Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola

    Rua Gandú, 119 – bairro Cidade Nova

    Zona Sul e Centro-Sul

    Centro Cultural dos Povos da Amazônia

    Avenida Silves, 2.222 - bairro Crespo

    Estacionamento da Universidade Paulista (Unip) – a partir de segunda-feira (1º/3)

    Avenida Mário Ypiranga, 3.490 – bairro Parque Dez de Novembro

    Zona Leste

    Clube do Trabalhador do Sesi

    Avenida Cosme Ferreira, 7.399 – bairro São José I

    Zona Oeste

    Balneário do Sesc

    Avenida Constantinopla, 288 – bairro Alvorada


    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Wilson Lima reforça importância de vacinação em Boca do Acre

    Governo do AM se movimenta para comprar vacinas por contra própria