Fonte: OpenWeather

    Abastecimento


    Defesa Civil reforça para abastecimento de água potável em Anamã

    A ação faz parte da Operação Enchente 2021, e tem como objetivo reforçar o abastecimento de água potável na localidade que sofre com as consequências da cheia dos rios

     

    ção faz parte do Plano de Contingência das ações de apoio e socorro às famílias do interior
    ção faz parte do Plano de Contingência das ações de apoio e socorro às famílias do interior | Foto: Divulgação

    Amazonas - Com o objetivo de reforçar o abastecimento de água potável no município de Anamã, que sofre com as consequências da cheia dos rios, a Defesa Civil do Amazonas enviou, nesta terça-feira (27), seis estações do Projeto Água Boa e uma Estação de Tratamento de Água Móvel (ETAM) para a localidade, situada na calha do Baixo Solimões, a 165 quilômetros de Manaus.

    A ação faz parte da Operação Enchente 2021.A instalação das estações de tratamento de água já está em funcionamento nos municípios de Envira, na calha do Juruá e Boca do Acre, na calha do Purus e atendem as famílias afetadas pela cheia. A ação faz parte do Plano de Contingência das ações de apoio e socorro às famílias do interior, que tem como objetivo assegurar as necessidades dos municípios mais atingidos pela enchente. 

    Projeto Água Boa 

    É um sistema alternativo e coletivo de coleta e tratamento de água em comunidades rurais e ribeirinhas do estado, para entregar água potável às comunidades do interior do Amazonas. 

    Diariamente, a Defesa Civil realiza o acompanhamento da situação dos municípios através do Centro de Monitoramento e Alerta- CEMOA e através da gerência regional, que mantém contato permanente com as coordenadorias municipais. Segue situação e status dos municípios: 

    Municípios em situação de ATENÇÃO: 02

    Calha do Madeira – Humaitá, Apuí 

    Municípios em situação de ALERTA: 23

    Calha do Madeira - Manicoré, Novo Aripuanã

    Calha do Rio Negro – Manaus

    Calha do Baixo Solimões – Anori, Caapiranga, Manacapuru, Iranduba, Manaquiri e Careiro Castanho.

    Calha do Baixo Amazonas – Barreirinha, Boa Vista do Ramos, Nhamundá, Urucará, São Sebastião do Uatumã, Parintins e Maués.

    Calha do Alto Solimões – Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Tabatinga, São Paulo de Olivença, Amaturá, Santo Antônio do Iça e Tonantins. 

    Municípios em situação de TRANSBORDAMENTO: 08

    Calha do Purus – Beruri

    Calha do Baixo Solimões – Anamã

    Calha do Baixo Solimões – Careiro da Várzea

    Calha do Médio Amazonas – Itacoatiara, Silves, Autazes, Urucurituba e Itapiranga 

    Municípios em situação de EMERGÊNCIA: 14

    Calha do Juruá:

    Guajará - Decreto de situação de emergência por inundação

    Envira - Decreto de situação de emergência por inundação

    Eirunepé - Decreto de situação de emergência por inundação

    Itamarati - Decreto de situação de emergência por inundação

    Ipixuna - Decreto de situação de emergência por inundação

    Carauari – Decreto de situação de emergência por inundação

    Juruá - Decreto de situação de emergência por inundação 


    Calha do Purus:

    Pauini – Decreto de situação de emergência por inundação

    Boca do Acre - Decreto de situação de emergência por inundação

    Lábrea – Decreto de situação de emergência por inundação

    Canutama – Decreto de situação de emergência por inundação

    Tapauá – Decreto de situação de emergência por inundação

    Calha do Madeira:

    Borba – com decreto Municipal

    Nova Olinda do Norte


    *Com informações da assessoria

    Leia Mais

    Chuvas deixam Amazonas em estado de atenção

    Cheia: operação da Prefeitura vai beneficiar 4 mil famílias em Manaus

    Governo discute medidas de enfrentamento à cheia em Tonantins