Fonte: OpenWeather

    "Avenida da morte"


    Avenida Cosme Ferreira é recorde em acidentes com mortes em Manaus

    Pelo terceiro ano consecutivo, a avenida Cosme Ferreira registra altos índices de acidentes de trânsito em Manaus. A maioria dos acidentes são fatais

     

    Além da avenida Cosme Ferreira, a Autaz Mirim também tem um alto índice de acidentes com vítimas fatais
    Além da avenida Cosme Ferreira, a Autaz Mirim também tem um alto índice de acidentes com vítimas fatais | Foto: Arquivo EM TEMPO

    Manaus - A cada três dias uma pessoa morre por acidente de trânsito em Manaus em 2021. O alto número de acidentes fatais gera preocupação para a sociedade e alerta para atenção de condutores e pedestres no trânsito. 

    A avenida Cosme Ferreira, localizada na zona Leste de Manaus, é a via que mais registra acidentes de trânsito com vítimas fatais, em três anos consecutivos. Os dados adquiridos com exclusividade pela reportagem do Portal Em Tempo, são da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

    A avenida Autaz Mirim, também localizada na zona Leste da capital e conhecida popularmente como "Grande Circular" é a segunda via que também aponta um alto número de mortes no local. 

    O índice de acidentes com vítimas fatais representa uma preocupação, já que as ocorrências impactam diretamente na saúde pública do estado. Em 2019, foram 222 casos de acidentes com vítimas fatais, 20 destes aconteceram na Cosme Ferreira, ocupando o primeiro lugar do ranking. Em segunda posição está a Autaz Mirim, com 17 casos. 

    Em 2020, o número aumentou, chegou a registrar 235 casos de acidentes que resultaram em morte. Apesar de ainda ocupar o primeiro lugar, a avenida Cosme Ferreira apresentou uma leve queda, e registrou a morte de 19 vítimas após acidentes. Por sua vez, a Autaz Mirim manteve o segundo lugar com 14 casos registrados. 

      Em comparação com anos anteriores, o ano de 2021 demonstrou um declínio de casos: foram 75 casos de vítimas fatais nos períodos de janeiro a maio deste ano, enquanto no mesmo período, ambos os dois anos anteriores registraram 76 casos. Contudo, Cosme Ferreira e a AM-010 são as vias com o maior registro de acidentes, ambas com cinco casos até o mês de julho. A Autaz Mirim, registra dois casos de vítimas fatais e ocupa a quarta posição.  

    A avenida Cosme Ferreira é uma das principais vias da zona Leste de Manaus, juntamente com a Autaz Mirim, que é a mais importante.

    O intenso trânsito e a imprudência de muitos motoristas que passam no local, são marcas das avenidas que interligam bairros da zona. Relembre casos que aconteceram entre 2019 a 2021 e marcaram as avenidas conhecidas como "Vias da morte". 

    Carro em alta velocidade mata homem

     

    O motorista ainda tentou fugir, no entanto, foi impedido por pessoas que  testemunharam o acidente
    O motorista ainda tentou fugir, no entanto, foi impedido por pessoas que testemunharam o acidente | Foto: Arquivo Portal Em Tempo

    No dia 23 de junho de 2019, um carro em alta velocidade atropelou e matou o auxiliar de serviços gerais, Antônio da Silva Cunha Júnior, de 27 anos. O caso aconteceu na avenida Autaz Mirim e ocorreu durante a madrugada, por volta das 2h10.

    A vítima retornava para casa com a esposa, de 37 anos, quando foi atropelado por um carro Gol, de cor branca, que estava com os faróis apagados e em alta velocidade. O motorista ainda tentou fugir, no entanto, foi impedido por populares e mototaxistas que testemunharam o acidente.

    Idosa morre atropelada 

     

    A idosa tentou atravessar a avenida fora da faixa de pedestres
    A idosa tentou atravessar a avenida fora da faixa de pedestres | Foto: Arquivo Portal Em Tempo

    Uma idosa, de 60 anos, morreu atropelada após tentar atravessar a Cosme Ferreira. A fatalidade aconteceu no dia 17 de dezembro de 2019 e ocorreu quando a vítima saiu de um supermercado localizado na alameda. 

    O condutor do veículo relatou que que a vítima tentou atravessar correndo e ele não teria tido tempo de desviar. A mulher ainda conseguiu escapar de ser atingida por um carro, mas foi atropelada por outro veículo. A idosa morreu na hora. 

    Entregador colide contra poste

     

    O homem colidiu contra o poste
    O homem colidiu contra o poste | Foto: Arquivo/Portal Em Tempo

     Também na avenida Cosme Ferreira, um entregador de aplicativo, que não foi identificado, morreu após colidir com um poste da avenida. O acidente aconteceu no dia 21 de novembro de 2020, e a vítima chegou a receber atendimento e os primeiros socorros do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mas ele não resistiu ao ferimentos e morreu no local. 

    O homem estava a caminho de uma entrega na hora do acidente. De acordo com os policiais, a motocicleta não estava no local no momento que a equipe chegou ao local, mas estilhaços do veículo puderam ser observados no local do acidente. Testemunhas não souberam identificar quem teria retirado a motocicleta da avenida.

    Adolescente morre

     

    O jovem de 14 anos esperou os familiares dormirem para pegar a moto do avô escondida
    O jovem de 14 anos esperou os familiares dormirem para pegar a moto do avô escondida | Foto: Arquivo/Portal Em Tempo

    No dia 14 de dezembro de 2020, um adolescente de apenas 14 anos, identificado como Paulo Vinicius Soares Batista, morreu após se envolver em um acidente de trânsito na avenida Cosme Ferreira. A vítima passava por uma curva, quando perdeu o controle da motocicleta e colidiu contra uma mureta – mais conhecida como "dente de dragão". 

    Horas antes do acidente, o adolescente havia chegado da missa de sétimo dia de uma prima, quando esperou familiares dormirem para sair na moto do avô durante a madrugada. 

    Desde que havia percebido que o estudante havia saído escondido, o avô aguardava o retorno de Paulo Vinicius, quando foi surpreendido por um vizinho que lhe informou sobre morte do neto.

    Mulher é atropelada com corpo pintado

     

    A mulher estava despida e totalmente pintada de rosa
    A mulher estava despida e totalmente pintada de rosa | Foto: Arquivo/Portal Em Tempo

    Completamente despida e com o corpo pintada de tinta na cor rosa, uma mulher  não identificada, foi mais uma vítima fatal um de acidente de trânsito na Cosme Ferreira. 

    O caso aconteceu no dia 14 de maio deste ano. Ela foi atropelada por um veículo modelo Chevrolet Prisma, de cor cinza, após o motorista ser surpreendido  pela mulher em via pública. 

    O motorista relata que a mulher estava na via ou se jogou na frente do carro. Ele chegou a prestar socorro e acionar o Samu, no entanto,  a mulher não resistiu. A polícia suspeita que a vítima tinha algum problema psicológico e desconhece o motivo da mulher estar naquela condição.

    Cabeça esmagada em acidente 

     

     O acidente aconteceu na avenida Autaz Mirim, em frente ao Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo.
    O acidente aconteceu na avenida Autaz Mirim, em frente ao Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo. | Foto: Arquivo/Portal Em Tempo

    Na sexta-feira passada, dia 25 de junho, o autônomo Lohan Ryab Fernandes Silva, de 28 anos teve a cabeça esmagada por um micro-ônibus alternativo após uma colisão. O acidente aconteceu na avenida Autaz Mirim, bem em frente ao Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo. 

    Testemunhas relataram que Lohan primeiro bateu em um ônibus articulado e ao cair, foi atropelado pelo "Amarelinho". Familiares estiveram na cena do acidente totalmente desesperados pela morte repentina do jovem. 

    Segurança no trânsito

    Devido o alto número de acidentes de trânsito em Manaus, o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) decidiu intensificar as campanhas publicitárias para conscientizar a população sobre a importância do respeito às leis de trânsito, de modo a diminuir acidentes e mortes nas vias de Manaus e do estado.

    As campanhas irão tratar de temas sensíveis ao trânsito local e também adotar temas nacionais, definidos pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para os Detrans de todo o país.  Com a conscientização, vai, indiretamente, melhorar os números da rede de saúde, com a redução da pressão dos atendimentos decorrentes de acidentes de trânsito. 

      No Amazonas, o foco é nos motociclistas, já que de acordo com dados do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), os condutores de motos e os pedestres são as maiores vítimas deste tipo de acidente. A capital registrou 22 mortes de motociclistas, referentes ao período de janeiro a abril de 2021.  

    Quanto aos pedestres, houve um crescimento de 60,8% em mortes por atropelamento comparado ao mesmo período de 2020. Apenas de janeiro a abril, o estado registrou 37 vítimas fatais desse tipo de acidente, enquanto no ano passado, registrou 23, de acordo com os dados da SSP-AM.

    A maioria dos casos de atropelamento fora da faixa de pedestre, criadas exclusivamente para a segurança do cidadão.  

    Leia mais: 

    Mortes por acidentes de trânsito aumentam em Manaus

    Respeito à faixa de pedestre reduz número de atropelamentos em 83%

    Detran-AM lança campanhas diminuição de acidentes e mortes