Fonte: OpenWeather

    Variante Delta


    Amazonas registra mais um caso da variante Delta e número sobe para 24

    O novo caso identificado de variante Delta foi notificado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Amazonas

     

    A variante foi identificada em uma mulher de 26 anos
    A variante foi identificada em uma mulher de 26 anos | Foto: Eduardo Prado/FVS-RCP

    MANAUS (AM) - O Amazonas identificou mais um caso de Covid-19 pela variante Delta (B.1.617). O levantamento da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) registra, ao todo, 24 casos da infecção pela linhagem. O sequenciamento genético é realizado em parceria com o Instituto Leônidas & Maria Deane – Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz Amazônia). O novo caso identificado de variante Delta foi notificado, na terça-feira (28).

      O 24º caso identificado é uma mulher, de 26 anos, assintomática, com esquema vacinal completo, que teve amostra nasofaríngea coletada, pelo método RT-PCR, no dia 18 de agosto. A mulher teve contato com um caso positivo de Covid-19. Ambos não possuem histórico de deslocamento para outros estados brasileiros.  

    A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, ressalta que as ações de Vigilância Genômica do novo coronavírus são realizadas sob um monitoramento rigoroso. “Por isso, ressaltamos a importância da população realizar os testes quando chegam ao estado, seja pelo aeroporto, rodoviária ou porto de Manaus”, afirma a diretora-presidente, citando pontos de testagens de Covid-19 em Manaus.

    O novo caso identificado de variante Delta foi notificado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde do Amazonas, coordenado pela FVS-RCP (CIEVS/FVS-RCP), ao CIEVS nacional do Ministério da Saúde.

    “As amostras de casos confirmados de Covid-19 são identificadas, inicialmente, pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Amazonas (Lacen/FVS-RCP) e triadas usando o protocolo em tempo real para as variantes Alpha, Beta e Gamma pela Fiocruz Amazônia”, afirma a coordenadora da CIEVS/FVS-RCP, Liane Souza.

    Referência

    A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas, o que inclui a notificação de variantes da Covid-19 ao Ministério da Saúde por meio do Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde do Amazonas, coordenado pela FVS-RCP (CIEVS/FVS-RCP).

    *Com informações da assessoria

    Leia mais: 

    Pfizer-BioNTech: vacina contra covid protege crianças de 5 a 11 anos

    Estudo aponta que vacinação reduz pela metade o risco de Covid-19

    Manaus deverá aplicar dose extra neste mês contra 'ameaça Delta'